Fluoxetina emagrece? Veja quem deve usar e efeitos colaterais

Bem-estar Saúde
20 de Março, 2024
Fluoxetina emagrece? Veja quem deve usar e efeitos colaterais

A fluoxetina é um dos antidepressivos mais conhecidos. Um dos principais efeitos colaterais do medicamento previsto na bula é a perda de peso. Tão logo, o medicamento se tornou um dos mais pesquisados no Google na busca pelo emagrecimento. Mas será que essa é uma boa aposta para a saúde? Fluoxetina realmente emagrece? Saiba mais a seguir!

Leia também: Sibutramina: Para que serve e efeitos colaterais

Afinal, para que serve fluoxetina?

Indicado prioritariamente para depressão, sendo associada ou não à ansiedade, o cloridrato de fluoxetina, também é recomendado para outras condições, como bulimia nervosa, transtorno obsessivo-compulsivo (TOC) e transtorno disfórico pré-menstrual (TDPM), incluindo tensão pré-menstrual (TPM), irritabilidade e disforia (mal-estar provocado pela ansiedade). 

Nas farmácias, o remédio só é fornecido a partir da apresentação e retenção da receita médica já que é considerado um remédio controlado e “tarja preta” pela ANVISA, o que significa que o medicamento pode trazer graves riscos à saúde, inclusive dependência física e psíquica.

Medicamento emagrece?

Segundo o médico cirurgião especialista em emagrecimento, Thomáz Baêsso, a fluoxetina é uma medicação que inibe a recaptação de serotonina. Assim, ela atua como uma ótima opção para tratamento relacionados à saúde mental como ansiedade e depressão.

Já a perda de peso relacionada ao remédio acontece devido ao controle de ansiedade e outros mecanismos que podem diminuir apetite e diminuir episódios de compulsão. Ou seja, de fato, o medicamento pode contribuir para a perda de peso, mas não é garantia. Estima-se que o emagrecimento alcance apenas 20% dos pacientes como efeito colateral.

Fluoxetina emagrece, mas uso é off label

O especialista reforça que, embora a medicação possa sim ajudar na perda de peso, a prática não é indicada pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária – ANVISA. De acordo com a agência, o uso da fluoxetina se restringe a tratamentos de saúde mental e com prescrição médica. 

“O uso exclusivo para emagrecimento é off label e o emagrecimento gerado por ela sem o restante do tratamento não é de grande importância”, aponta o especialista. Assim, o termo off label é utilizado para indicar uso diferente do aprovado na bula ou ao uso de produto não registrado na ANVISA.

Fluoxetina emagrece: conheça os efeitos colaterais

Um estudo do Centro Brasileiro de Informações sobre Drogas Psicotrópicas da Universidade Federal de São Paulo, revelou que o medicamento pode produzir reações adversas graves. Veja a seguir:

  • Ideação suicida;
  • Bruxismo;
  • Elevação das enzimas hepáticas;
  • Hiperglicemia;
  • Alucinação;
  • Amenorreia;
  • Tremores;
  • Por fim, sangramento uterino.

Por isso, os especialistas de saúde reforçam: o uso da fluoxetina deve ser estritamente supervisionado por um profissional de saúde. Nesses casos, é indicado consultar um médico nutrólogo, endócrino ou psiquiatra, que irá avaliar a necessidade do tratamento e prescrevê-lo conforme as indicações específicas de cada paciente.

Fluoxetina emagrece: quem pode usar?

O especialista aponta que o uso da fluoxetina deve ser exclusivo para pacientes em tratamento de depressão ou ansiedade. Além disso, ele explica que mulheres com sintomas de TPM também devem consultar seu médico sobre a possibilidade da inclusão dessa droga em seu tratamento.

“O profissional responsável pela prescrição, por sua vez, deverá avaliar potenciais riscos e benefícios, levando em conta inclusive outros itens que o paciente já esteja utilizando”, afirma o médico.

Por outro lado, vale lembrar que o medicamento tem efeitos colaterais comuns, como boca seca, alteração de paladar e até diminuição de interesse sexual. Porém, a prescrição médica pode aliviar esses sintomas. 

Veja também: Quanto tempo leva para ver os resultados da academia?

Como perder peso de forma saudável?

Para perder peso de forma equilibrada é importante estar atento a alguns fatores. São eles>

  • Evite pular refeições: Adotar dietas restritivas sem o aconselhamento de um profissional de saúde pode ser prejudicial ao seu objetivo de emagrecimento saudável. Certifique-se de manter uma alimentação balanceada e regular.
  • Aposte em alimentos que estimulam a queima de gordura: Inclua em sua dieta alimentos como frango, ovos, café e vegetais, pois são ricos em fibras, proteínas e gorduras saudáveis, auxiliando no processo de queima de gordura.
  • Faça escolhas inteligentes em relação aos carboidratos: Opte por fontes de carboidratos complexos, como lentilha, batata doce, grão de bico e abóbora, que fornecem energia de forma gradual e sustentada, evitando picos de glicose no sangue.
  • Mantenha-se hidratado: Um dos melhores hábitos para eliminar toxinas e promover a saúde é garantir uma ingestão adequada de água. Procure beber de oito a 10 copos de água por dia para ajudar seu corpo a se livrar de substâncias indesejadas e manter seu funcionamento ideal.
  • Estabeleça uma rotina de sono regular: A privação de sono pode resultar em altos níveis de estresse, desregulando seus hábitos alimentares. Por isso, é crucial priorizar e respeitar suas horas de sono.

Lembre-se sempre de procurar ajuda médica para orientações específicas e personalizadas sobre sua saúde e estilo de vida.

Fonte: Thomáz Baêsso, médico cirurgião especialista em nutrologia da Nutrindo Ideais, com atuação em emagrecimento, hipertrofia e saúde sexual.

Referências:

Fluoxetina: indícios de uso inadequado

 

Sobre o autor

Redação
Todos os textos assinados pela nossa equipe editorial, nutricional e educadores físicos.

Leia também:

foto de um prato colorido com legumes, salada e grãos
Alimentação Bem-estar Receitas

Encontrar receitas vegetarianas é difícil para você? Veja 20 opções!

Aqui na Vitat, você consegue encontrar inúmeras opções de receitas vegetarianas para variar o seu cardápio. Separamos algumas, confira!

5 benefícios da banana
Alimentação Bem-estar

5 benefícios da banana para os atletas

Liberação gradual de energia e recuperação muscular são alguns dos benefícios. Veja outros!

Ozempic e anticoncepcional
Saúde

Ozempic pode cortar o efeito do anticoncepcional? Médica explica

Nas redes sociais, não faltam relatos sobre o efeito do Ozempic no aumento da fertilidade