Erros que favorecem o intestino preso: principais e como evitar a constipação

Saúde
15 de Setembro, 2023
Erros que favorecem o intestino preso: principais e como evitar a constipação

A constipação é um problema comum, afetando cerca de 15% das pessoas em todo o mundo. A condição pode se tornar crônica, interferindo na rotina e bem-estar. De acordo com um estudo das Universidades Federais do Rio Grande do Norte e Pernambuco, o intestino preso reduz a capacidade funcional de algumas mulheres, principalmente em termos de mobilidade e autocuidado. Mas você sabia que alguns hábitos diários que não parecem ser nocivos podem sim favorecer a condição? Por isso, veja agora 6 erros que favorecem o intestino preso.

Leia mais: Chás para soltar o intestino: confira os melhores laxantes naturais

6 erros que favorecem o intestino preso

Consumir muita fibra

O consumo de fibras é fundamental em qualquer dieta. No entanto, para quem tem constipação, é importante escolher o tipo certo de fibras. As fibras insolúveis, como o farelo de trigo e cereais integrais, podem favorecer o intestino preso. Por outro lado, as fibras solúveis, como o psyllium, podem melhorar os sintomas da constipação.

Beber quantidades excessivas de álcool

A recomendação geral para evitar o intestino preso é limitar a ingestão de álcool. Isso porque o álcool causa aumento da vontade de urinar, o que pode causar desidratação, que por sua vez causa prisão de ventre.

Estudos recentes também indicam que bebidas com altas concentrações de álcool, isto é, de 15% ou mais, retardavam o movimento intestinal.

Estresse

Preocupações com a saúde mental, como estresse, ansiedade e depressão, também podem levar à constipação. Por isso, reservar um tempo para relaxar pode ajudar sua mente e corpo, além de ajudar a reduzir os sintomas de constipação.

Erros que favorecem o intestino preso: abusar de laxantes

Os laxantes são importantes no tratamento e controle da constipação. Porém, algumas pessoas podem tornar-se dependentes deles. Então, o uso excessivo de laxantes pode piorar a constipação.

Evitar exercícios

Praticar exercícios pode ajudar a melhorar os sintomas da constipação. Nesse sentido, é importante incluir atividades moderadas a vigorosas, como caminhar ou andar de bicicleta, de 20 a 60 minutos por dia, durante 3 a 5 dias por semana. Exercícios mais leves, como yoga, também podem ajudar.

Erros que favorecem o intestino preso: não conversar com seu médico

A constipação é um sintoma, não uma condição em si. Por isso, converse com seu médico para descobrir a causa da sua constipação. Por exemplo, o uso de medicamentos, dieta ou qualquer outra causa. Assim, o especialista poderá recomendar mudanças no estilo de vida ou medicamentos que podem aliviar.

Referência: Healthline.

Sobre o autor

Fernanda Lima
Jornalista e Subeditora da Vitat. Especialista em saúde

Leia também:

montagem com as fotos de Wagner
Saúde

Ele já fez mais de 100 doações de sangue e plaquetas: “dar um pouco da minha saúde para quem precisa”

Conheça a história de Wagner Hirata, que tem as doações de sangue e plaquetas como um de seus propósitos de vida

neuralgia do trigêmeo
Saúde

Neuralgia do trigêmeo: doença que provoca uma das piores dores do mundo

Sintomas de doença são dores muito fortes e rápidas em apenas um lado do rosto, causando sensação de choque ou de um golpe muito forte

Reynaldo Gianecchini
Saúde

Reynaldo Gianecchini revela diagnóstico de doença autoimune

A síndrome de Guillain Barré causa fraqueza e dificuldades para mover os braços e as pernas