Como equilibrar as nossas necessidades

Bem-estar Equilíbrio
03 de Setembro, 2019
Como equilibrar as nossas necessidades

Sentimentos de frustração, agressividade, insatisfação, baixa estima, insegurança e outros; surgem quando não os identificamos e consequentemente não atendemos as nossas necessidades.

Todos nós temos as mesmas necessidades humanas, e o que nos faz diferentes é a maneira que iremos atendê-las. A interpretação e o sentido, assim como o reconhecimento de suas necessidades é que darão o equilíbrio.

Quais são as nossas maiores necessidades?

Necessidade de auto-realização

Baseia-se no desejo de crescer e de usar ao máximo nossas potencialidades, seja no campo profissional, pessoal, conhecimento, relacionamentos, fazer escolhas, superar obstáculos.

É um processo em constante movimento, à medida que temos uma necessidade atendida, já nos preparamos para novos obstáculos, novos desafios e projetos, assim o ciclo da vida acontece.

Necessidades psicológicas: Relacionamentos sociais, familiar, amorosos

Necessidade que mostra que não somos uma ilha, todos somos seres sociais e buscamos o convívio com o outro para o bem estar. 

Todos nós precisamos do sentimento de pertencimento. É importante sentirmos que fazemos parte de algo, de alguém ou de um grupo. 

Necessidade de aprovação, aceitação

Essa necessidade é uma das mais causa angústia. Ser aprovado ou aceito pelo outro gera muita ansiedade e até mesmo sentimento de rejeição.

Muitas pessoas sofrem por causa dessa idéia equivocada: eu preciso da aprovação e aceitação do outro.

Esse é um pensamento equivocado, por mais que você deseje, não conseguirá agradar a todos, porque cada pessoa tem seus próprios valores, critérios e opiniões pessoais, e nem sempre são iguais aos seus. Não são melhores ou piores, apenas diferentes. Crie menos expectativas e terá menos frustrações.

Necessidade de estima

De todos os julgamentos que fazemos penso que nenhum é tão mais importante do que o que fazemos de nós mesmos. 

A auto-estima é a soma de autoconfiança, auto respeito, auto aceitação, amor próprio. 

É o julgamento sobre nossa capacidade de lidar com os desafios da vida, nossa compreensão de como os dominamos. Uma Auto estima elevada está relacionada à sensação de confiança e adequação, de se sentir competente e merecedor.

Necessidade de segurança

Neste nível encontramos a necessidade de estabilidade, de ter um emprego, recursos financeiros, saúde, proteção, entre outros. Necessidade ligada ao medo do desconhecido, da falsa sensação de controle. É a necessidade de garantias, tranqüilidade, estabilidade. 

Leia também: Sinais de que você está esgotado emocionalmente

Necessidades fisiológicas

Neste nível, encontramos necessidades como a homeostase, trabalho do organismo para manter um estado normal e equilibrado favorecendo ao máximo nossa saúde.

Aqui também encontramos a alimentação, manutenção corporal adequada, sexo, exercícios físicos, descanso, respiração, sono. A saúde como um todo.

Dentro dessas necessidades fisiológicas destacam-se: 

Exercícios físicos

Nosso corpo tem algumas necessidades básicas: alimento, água, sono, respiração e movimento. Se você não coloca seu corpo em movimento, está deixando de atendê-lo em uma de suas necessidades básicas.

Assim, fazer exercício físico não tem apenas o propósito de ajudar no seu processo de emagrecimento, mas atender uma necessidade básica do seu corpo.

Talvez você não tenha inserido a atividade física na sua vida, porque se exercita para emagrecer e quando por algum motivo você interrompe ou atinge sua meta, interrompe também sua atividade física.

Exercícios fortalecem o coração e os pulmões, liberam endorfinas, substâncias químicas poderosas que nos dão energia e elevam nosso estado de ânimo. Pratique regularmente.

Qualidade de sono

Um dos maiores vilões na atualidade desencadeando a falta de sono é o uso de dispositivos eletrônicos para leitura, comunicação ou entretenimento na hora de dormir.

As causas da insônia são variadas e dentre essas causas são os maus hábitos, como: dormir com claridade ou barulho, dormir muito tarde para acordar cedo, alimentação inadequada, falta de exercícios e o estresse constante.

Segundo especialistas o sono facilita o funcionamento adequado do sistema nervoso, através de conexões neuronais que elevam a capacidade das funções cognitivas (intelecto), entre elas a atenção, a memória, e as funções executivas.

Outro problema que pode causar insônia é a ansiedade. Tanto em relação a outras atividades, como ficar ansioso com uma prova, ou com relação ao sono, como ficar ansioso porque não vai dormir o número suficiente de horas pode levar a uma noite em claro. É importante identificar a causa de sua ansiedade para saber como eliminá-la.

Alimentação

A fome, nome dado à necessidade fisiológica que o ser humano tem de se alimentar para obter energia, nem sempre está ligada somente à manutenção do funcionamento do corpo. Muitas vezes, ela serve como válvula de escape para diversos outros problemas emocionais. 

Comer de forma excessiva motivado pelos sentimentos faz mal à saúde, quando os sentimentos afetam nosso estômago na hora de comer, fazendo com que a ansiedade, a raiva, a tristeza, aumentem nosso apetite, é preciso tomar alguns cuidado. Isso porque, comer levado pelos sentimentos pode trazer sérios riscos para a saúde. 

Levar as emoções para o prato é um perigo para a compulsão. Por isso, saiba identificar de onde vem o problema.

Investir nas suas realizações pessoais, profissionais priorizando-se, respeitando-se. Descansar adequadamente, manter uma boa alimentação, fazer exercícios, receber luz solar natural, evitar o consumo de álcool, tabaco e drogas é o básico para iniciar o caminho rumo a uma boa saúde física.

Para melhorar a saúde mental você deve cuidar de si mesmo.

Para manter e reforçar a sua saúde mental e emocional é importante prestar atenção a suas próprias necessidades e sentimentos.

Para refletir

  • Não deixe que o estresse e as emoções negativas se acumulem. Trate de manter um equilíbrio entre suas responsabilidades diárias e as coisas de que você gosta. Se você cuidar de si mesmo, estará mais preparado para enfrentar os desafios quando eles surgirem.
  • Reduza sua tolerância ao estresse, porque se buscar aumentar sua resistência a ele é isso que vai acontecer. Você vai tolerar ainda mais confusão e responsabilidade até que, mais uma vez seu nível de estresse se compatibilize com a sua tolerância.
  • Quando você se perceber muito estressado, sentir sua mente movendo-se com extrema rapidez é hora parar e checar suas necessidades.
  • Seu estresse é como uma bola de neve se preparando para descer uma colina. Enquanto pequena, é controlável. Mas se ganhar volume, no entanto, torna-se difícil, quase impossível, parar.

Linda Vieira – Psicóloga Clínica com com abordagem Fenomenológico-Existencial. Experiência em: depressão, fobias, estresse, ansiedade, sexualidade, relacionamentos e medos. Parceira no Programa de Emagrecimento Tecnonutri.

Leia também: Como vencer a sua batalha emocional

Leia também:

ator Cauã Reymond segurando um garfo e uma faca e usando um babador
Alimentação Bem-estar

Cauã Reymond mostra jantar saudável com sopa, frango e legumes

Ator compartilhou em suas redes socais o que comeu na noite de Dia dos Namorados (12/06). Confira o jantar de Cauã Reymond

personal ajudando aluno a fazer o exercício crucifixo inclinado na academia
Bem-estar Movimento

Crucifixo inclinado: como fazer corretamente para evitar dores

A posição do banco no crucifixo inclinado faz com que o exercício enfatize bem os músculos do peitoral. Confira o passo a passo

criança nadando na piscina
Bem-estar Movimento

Crianças podem (e devem) fazer natação no inverno!

Prática deve ser contínua mesmo no frio, pois aumenta imunidade e o gasto calórico. Veja os benefícios da natação no inverno para as crianças!