Enxaqueca crônica pode ser desencadeada pelo estresse

25 de maio, 2021

A enxaqueca crônica é uma doença que envolve diversos sintomas nada agradáveis. Eles surgem sobretudo na forma de dor de cabeça de intensidade variável, muitas vezes acompanhada de náuseas e sensibilidade à luz e ao som. Mas você sabia que uma das principais causas deste problema é o estresse?

Para você ter uma ideia, a enxaqueca acomete mais de 15% da população brasileira, o que significa aproximadamente 31 milhões de pessoas.

Existem diversas causas para o surgimento da enxaqueca crônica. Como mudanças hormonais, má qualidade do sono, jejum prolongado e alterações bruscas no clima. Contudo, estima-se que 50% a 70% das pessoas com a condição têm seus sintomas desencadeados por conta do estresse diário.

Relação entre o estresse e a enxaqueca crônica

Segundo especialistas, o estresse excessivo pode alterar as funções e as estruturas do cérebro. Assim, à medida que o estresse aumenta, as mudanças tendem a continuar e piorar.

Quando passamos por uma situação que nos deixa ansiosos, o nosso corpo entende aquilo como algo ameaçador. Como consequência, as glândulas suprarrenais, que estão localizadas em cima dos rins, produzem dois hormônios: o cortisol e a adrenalina. 

Os dois hormônios são responsáveis por aumentar a frequência cardíaca, o que contribui para as dores de cabeça e outros sintomas da enxaqueca. 

Leia também: Melhores exercícios para quem sofre de enxaqueca

Dicas para reduzir o estresse

Gerenciar ou evitar o estresse por meio de fatores que tragam bem-estar é essencial. Portanto, veja as dicas abaixo:

  • Pratique exercícios físicos: Se exercitar é bom tanto para o corpo, quanto para a mente. Isso porque quando nos movimentamos, hormônios do bem-estar como a serotonina e a dopamina são ativados. Por isso, é importante realizar nem que seja uma caminhada diária de 30 minutos;
  • Faça uma dieta saudável e equilibrada: A alimentação diz muito sobre a sua saúde mental. Busque ingerir mais ingredientes saudáveis como frutas frescas, vegetais e grãos inteiros;
  • Medite: A meditação é um conjunto de técnicas de concentração com o objetivo de alcançar a plenitude mental e emocional. Dessa forma, você foca no presente e se livra dos estressores. 

Leia também: Melhores exercícios para controlar a raiva

Sobre o autor

Julia Moraes
Julia Moraes
Jornalista e repórter da Vitat. Especialista em fitness, saúde mental e emocional.