Elíptico: objetivo do aparelho e benefícios para a saúde

Bem-estar Movimento
03 de Julho, 2023
Elíptico: objetivo do aparelho e benefícios para a saúde

Quando o assunto é exercício cardiovascular, ou o famoso “aeróbico”, o elíptico é um dos aparelhos mais utilizados. Anteriormente chamado de “transport”, é um equipamento comum em academias e residências. O elíptico simula os movimentos de corrida, caminhada ou subida de escadas, porém, com menos impacto nas articulações. Entenda mais sobre o assunto.

Leia mais: Treino cardio: tudo sobre a prática

Afinal, como funciona o elíptico?

O elíptico possui pedais conectados a uma roda de inércia. Dessa forma, o movimento é realizado por meio de uma combinação de “empurra e puxa” com os pés e as alças móveis das mãos. Ao empurrar os pedais para baixo e para trás e puxar as alças para frente e para trás, os músculos das pernas, glúteos, braços e ombros são ativados.

Benefícios do exercício

  • Exercício cardiovascular: O elíptico oferece um treino aeróbico eficaz, ou seja, aumenta a frequência cardíaca e melhora a saúde cardiovascular.
  • Baixo impacto: Ao contrário da corrida ou caminhada em superfícies planas, o elíptico reduz o impacto nas articulações. Por isso, é uma opção mais suave para pessoas com lesões, problemas nas articulações ou excesso de peso.
  • Treino de corpo inteiro: O movimento combinado das pernas e braços envolve vários grupos musculares, proporcionando um treino completo.
  • Variedade de intensidade: A maioria das máquinas de elíptico permite ajustar a resistência e a inclinação, oferecendo opções para intensificar ou diminuir o nível de dificuldade do treino.

Dicas para usar o elíptico:

De acordo com o Dr. Marco Aurélio S. Neves, ortopedista, existem algumas dicas que auxiliam na hora de utilizar o aparelho de elíptico. Confira:

  • Postura adequada: Mantenha-se ereto, com os ombros relaxados. Evite inclinar-se para a frente ou apoiar-se nas alças;
  • Movimento suave: Evite movimentos rápidos e enérgicos. Assim, concentre-se em manter um ritmo suave e controlado;
  • Aquecimento e resfriamento: Comece com alguns minutos de aquecimento em uma resistência baixa antes de aumentar a intensidade. No final do treino, diminua gradualmente a intensidade para resfriar o corpo;
  • Variedade: Alterne a direção do movimento (para frente e para trás) para envolver diferentes músculos e reduzir o desgaste em uma área específica;
  • Monitoramento do ritmo cardíaco: Muitas máquinas de elíptico possuem sensores de frequência cardíaca embutidos. Por isso, se possível, monitore-a durante o treino. Assim, é possível garantir que esteja atingindo sua zona alvo de intensidade.

Por fim, como qualquer forma de exercício, é importante consultar um profissional de saúde ou um educador físico antes de iniciar um programa de exercícios no elíptico, especialmente se você tiver alguma condição médica pré-existente ou preocupações específicas.

Fonte: Dr. Marco Aurélio S. Neves, ortopedista e traumatologista, especializado em próteses de quadril e joelho.

Sobre o autor

Fernanda Lima
Jornalista e Subeditora da Vitat. Especialista em saúde

Leia também:

Dia dos Pais fondue saudável
Alimentação Bem-estar Receitas

Fondue saudável: confira algumas substituições mais equilibradas!

Quando as temperaturas caem, uma noite de fondue é uma excelente pedida

chocolate quente fit
Alimentação Bem-estar

Chocolate quente fit é opção saudável para festa junina. Veja receitas!

Nessa época, algumas comidas ganham protagonismo, como caldos, bebidinhas quentes e doces típicos. Veja como fazer um chocolate quente fit!

Por quanto tempo devo tomar ômega
Alimentação Bem-estar

Por quanto tempo devo tomar Ômega 3?

Muitas pessoas se perguntam: Por quanto tempo devo tomar ômega 3? Veja recomendações importantes sobre o consumo prolongado