Compulsão por compras: O que é e como tratar

11 de março, 2020

Para muitos, ir ao shopping fazer compras pode ser uma terapia. Mas, isso pode se tornar um cenário de compulsão por compras, o que pode trazer diversos transtornos – até mesmo para a saúde.  

A compulsão por compras se inicia quando não há uma necessidade real de adquirir bens. Mas, por ansiedade e dificuldade de lidar com questões psicológicas e emocionais, a pessoa sai às compras sem pensar nas consequências. Assim, há uma linha tênue entre gostar de comprar e ter um vício em compras. E esse vício deve ser classificado como um transtorno.

Pesquisam indicam que homens possuem uma porcentagem bem menor que mulheres na compulsão por compras. E. segundo a psicóloga Deise Moraes Saluti, isso costuma ocorrer mais com mulheres porque elas possuem um desejo ainda maior de comprar para suprir frustrações, como por exemplo baixa autoestima, sintomas de abandono e outros.

Contudo, é comum após o “prazer em comprar” aparecer um sentimento de culpa e ansiedade, ainda mais quando a compulsão atrapalha o planejamento financeiro e o bem-estar psicológico.

Sintomas 

Os sintomas comuns em pessoas com compulsão por compras costuma ser arrependimento, culpa, isolamento, frustrações – podendo levar ao esgotamento mental – e depressão. “Além disso, casos ainda mais graves estão tomando os consultórios de psicologia, que são as tentativas de suicídio. Muitos não conseguem lidar com o problema decorrente por conta das dívidas ou até mesmo social” explica a psicóloga. 

Os riscos, como em qualquer vício, são grandes: dívida, perda de autocontrole e falta de interesse em coisas fundamentais, como família e trabalho, são apenas algumas.

Leia também: Quando o estresse e a ansiedade podem ser bons

Tratamento

Assim como outros transtornos, a compulsão por compras possui tratamento. A psicoterapia comportamental é a mais indicada nestes casos, pois é na terapia que a pessoa encontrará apoio sem julgamento, críticas ou qualquer atitude que venha ferir sua integridade. 

O profissional irá te orientar da forma cuidadosa para curar totalmente e ajudar a lidar com a compulsão por compras ou qualquer outro transtorno psicológico. Portanto, buscar terapia é o melhor remédio.

Leia também: Vício em compras online deve ser considerado problema de saúde mental

Sobre o autor

Julia Moraes
Julia Moraes
Jornalista e repórter da Vitat. Especialista em fitness, saúde mental e emocional.