Comer rápido engorda?

Alimentação Bem-estar
13 de Setembro, 2019
Comer rápido engorda?

Você já deve ter se perguntado se de fato comer rápido engorda ou se é apenas um mito. Saiba que esse é realmente um péssimo hábito, que pode sim impulsionar o ganho de peso.

No mundo agitado de hoje, as pessoas costumam comer de forma veloz e, muitas vezes, até de pé. Mas, o cérebro precisa de tempo para processar sinais de plenitude, e pode levar até 20 minutos para que ele perceba que você está satisfeito.

Quando você se alimenta de maneira acelerada, é muito fácil consumir mais do que o seu corpo realmente precisa. Com o tempo, a ingestão excessiva de calorias pode levar ao ganho de peso.

Um estudo da Universidade Ewha Womans, na Coreia do Sul, acompanhou os hábitos alimentares de 261 pessoas descobriu que 60% das que comeram rapidamente exageram.

Comer rápido engorda e pode levar à obesidade

A obesidade é um dos maiores problemas de saúde da atualidade. É uma doença complexa que não é simplesmente causada por má alimentação, inatividade ou falta de força de vontade.

Leia também: Beber durante as refeições: É bom ou ruim?

De fato, fatores ambientais e de estilo de vida complicados estão em jogo. Por exemplo, a ingestão rápida tem sido estudada como um fator de risco potencial para sobrepeso e obesidade.

Uma revisão recente de 23 estudos constatou que quem não costuma comer devagar tem probabilidade duas vezes maior de ter obesidade em comparação com quem come lentamente.

O ato de comer de forma apressada também está associado a outros problemas de saúde, incluindo:

  • Resistência a insulina: Mastigar pouco e engolir depressa estão associados a um maior risco de resistência à insulina, que é caracterizada por altos níveis de açúcar no sangue. É uma marca registrada da diabetes tipo 2 e síndrome metabólica.
  • Diabetes tipo 2: Um estudo constatou que os que comem com pressa têm probabilidade 2,5 vezes maior de contrair a doença em comparação com aqueles que comem devagar.
  • Síndrome metabólica: A alimentação veloz e o ganho de peso podem aumentar o risco de síndrome metabólica, um grupo de fatores que podem resultar em diabetes e doenças cardíacas.
  • Má digestão: Alimentar-se com pressa quase sempre resulta em má digestão.

Leia também: Estratégias de mindful eating para comer com mais consciência

Comer devagar pode trazer vários benefícios à saúde

Apreciar cada refeição sem correria pode aumentar os níveis de hormônios da plenitude, ajudar na saciedade e diminuir a ingestão de calorias. Confira algumas técnicas fáceis de adotar:

Não coma na frente de eletrônicos

Alimentar-se na frente de uma TV, computador, smartphone ou outro dispositivo pode fazer com que você consuma sem pensar. Também pode fazer você perder a noção do quanto você comeu.

Coloque o garfo na mesa

Pequenas pausas entre uma garfada e outra ajudam a diminuir a velocidade e a aproveitar cada mordida mais.

Beba água

Beber água durante toda a refeição o ajudará a se sentir satisfeito e a desacelerar.

Mastigue bem

Pode ser útil contar quantas vezes você mastiga cada mordida antes de engolir. Procure mastigar de 20 a 30 vezes.

Aposte em alimentos ricos em fibras

Itens fibrosos como frutas e legumes levam muito tempo para mastigar e promovem a saciedade.

Coma conscientemente

A alimentação consciente é uma ferramenta poderosa. O princípio fundamental por trás do mindful eating é prestar atenção à comida que você está comendo. “O mindful eating propõe um desafio à sociedade moderna, sem tempo, para redirecionar, conscientizar e ter plena lucidez ao comer”, diz a Dra. Fernanda Vasconcelos, médica nutróloga do Hospital Santa Cruz, de São Paulo.

Segundo a especialista, para se comer consciente é preciso perceber as sensações envolvidas em todo o processo do ato de se alimentar, tanto física quanto emocionalmente, desde a fome, a escolha dos alimentos, o preparo do cardápio e a plenitude quando ficamos satisfeitos após o término da refeição.

Leia também: Mindful Eating: O método que ensina a comer de forma consciente

Sobre o autor

Redação
Todos os textos assinados pela nossa equipe editorial, nutricional e educadores físicos.

Leia também:

poke é saudável
Alimentação Bem-estar

Poke é saudável? Veja dicas na hora de consumir

Veja dicas de alimentos que não vão interferir no seu objetivo, seja emagrecer ou ganhar massa magra

mulher se consultando com um médico
Bem-estar Saúde

Preparação para a bariátrica vai além dos exames e envolve mudanças de vida

Antes de entrar no centro cirúrgico, o candidato à cirurgia bariátrica percorre um caminho de preparação que promete mais do que a perda de peso: uma

tempo em frente às telas
Alimentação Bem-estar Equilíbrio Saúde

Maior tempo em frente às telas está associado à piora da dieta de adolescentes

Pesquisa brasileira avaliou dados de 1,2 mil adolescentes e constatou que a maioria gasta mais de 2 horas de tempo em frente as telas