Comer morangos todos os dias ajuda a proteger saúde do coração

Alimentação Bem-estar Saúde
28 de Fevereiro, 2023
Comer morangos todos os dias ajuda a proteger saúde do coração

O morango é uma das frutas mais versáteis, pois pode ser usado em saladas, sucos, smoothies, para adicionar sabor ao iogurte, no chá ou na sopa. Além disso, você sabia que comer morangos todos os dias ajuda a proteger a saúde do coração? É o que diz os estudos apresentados no 9º Simpósio dos Benefícios das Berries à Saúde, realizado em Tampa, nos Estados Unidos.

Assim, a fruta melhora o sistema cardiometabólico, além de diminuir do colesterol total e “ruim” (LDL), o estresse oxidativo, a resistência à insulina e a quantidade de açúcar no sangue. O hábito também aumenta o relaxamento e o tônus vascular.

Os cientistas destacam que uma dieta pobre em frutas está entre os principais fatores de risco cardiovascular e desenvolvimento de diabetes tipo 2. Segundo os autores, é preciso aumentar a quantidade total de frutas consumidas, bem como a diversidade desses alimentos na dieta.

O morango é uma fruta rica em vitaminas C, A, E, B5 e B6. Além disso,  é fonte de cálcio, potássio, ferro, selênio, magnésio e compostos fenólicos – que são antioxidantes. Dessa forma, essas substâncias têm a capacidade de proteger as células contra os efeitos dos radicais livres produzidos pelo organismo. Também ajudam na imunidade e na prevenção da artrite reumatoide, de doenças cardiovasculares e das relacionadas ao envelhecimento.

Leia também: Morango: Benefícios que você precisa conhecer

Benefícios de comer morangos todos os dias

Um dos trabalhos apresentados no simpósio, feito no Instituto de Tecnologia de Illinois, analisou 34 homens e mulheres com média de 53 anos que tinham hipercolesterolemia moderada (condição caracterizada por altas taxas de colesterol no sangue). O grupo foi acompanhado por quatro semanas e teve as taxas metabólicas medidas no período. Os resultados apontaram que a função vascular (dilatação dos vasos) dos voluntários melhorou de forma rápida – cerca de uma hora – após comer morangos.

Em um outro trabalho, os pesquisadores fizeram uma pesquisa randomizada e controlada com 33 adultos obesos.  Durante o ensaio, eles consumiram diariamente duas xícaras e meia de morangos. De acordo com os autores, esse hábito diminuiu significativamente a resistência à insulina e aumentou o tamanho das partículas de “colesterol bom” (lipoproteína de alta densidade), em comparação com o grupo que não ingeriu a fruta.

Durval Ribas Filho, médico nutrólogo e presidente da Associação Brasileira de Nutrologia (Abran), destaca que vários estudos científicos mostram que os morangos tem diferentes benefícios. Também é uma rica fonte de fitoquímicos (ácido elágico, antocianinas, quercetina e catequina) e vitaminas (ácido ascórbico e ácido fólico).

“O morango tem sido classificado como uma fonte alimentar de polifenóis e, portanto, com capacidade antioxidante. Quando falamos sob o aspecto da doença cardiovascular, o morango promove um aumento da vasodilatação e redução da pressão arterial”, afirmou Ribas Filho.

O médico disse que os mecanismos pelos quais os morangos exercem essas capacidades são diversos e ainda não totalmente conhecidos. “Certamente, o efeito antioxidante é um mecanismo possível e relevante, uma vez que a suplementação com morango diminui significativamente o estresse oxidativo, protegendo o LDL da oxidação e protegendo as células sanguíneas contra danos aumentados no DNA. Consequentemente, reduz o risco de doenças cardiovasculares”, afirmou.

Prato com cinco cores

O nutrólogo explica que as frutas com maiores índices glicêmicos (como laranja, uva, abacaxi, tangerina) devem ser evitadas para portadores de pré-diabetes e diabetes. Ribas Filho orienta que o prato nas refeições precisa ser composto por cinco cores diferentes, de preferência com predomínio das cores vermelha e roxa – que são os pigmentos com maior potencial antioxidante.

“Essa recomendação de montarmos o prato com cinco cores ocorre devido aos diferentes pigmentos presentes nas frutas e nos legumes, sendo que cada um deles tem atividades antioxidantes. O conjunto de cinco pigmentos resulta numa grande capacidade antioxidativa para o organismo humano”, disse.

Por fim, com relação ao morango, Ribas explica que uma característica importante é a cor vermelha da fruta. “Não existe uma fruta específica mais recomendada para a nossa alimentação porque é justamente o consumo delas em conjunto que fornece as substâncias antioxidantes. Em geral, a Organização Mundial de Saúde sugere o consumo de 300 a 400 gramas de porções de frutas e vegetais por dia’, finalizou.

Fonte: Agência Einstein

Leia também:

foto de um prato colorido com legumes, salada e grãos
Alimentação Bem-estar Receitas

Encontrar receitas vegetarianas é difícil para você? Veja 20 opções!

Aqui na Vitat, você consegue encontrar inúmeras opções de receitas vegetarianas para variar o seu cardápio. Separamos algumas, confira!

5 benefícios da banana
Alimentação Bem-estar

5 benefícios da banana para os atletas

Liberação gradual de energia e recuperação muscular são alguns dos benefícios. Veja outros!

Ozempic e anticoncepcional
Saúde

Ozempic pode cortar o efeito do anticoncepcional? Médica explica

Nas redes sociais, não faltam relatos sobre o efeito do Ozempic no aumento da fertilidade