Casca de maçã: Benefícios que você precisa conhecer

4 de março, 2020

Nem todo mundo sabe, mas a maioria dos nutrientes das frutas e legumes é encontrada na casca. Mas, se você costuma tirar e jogar fora a casca da maçã antes de comê-la, talvez não esteja obtendo o máximo de benefícios do alimento.

O valor nutricional e o sabor crocante tornaram a maçã uma das frutas mais consumidas no Brasil. E, para quem escolhe descascá-la antes de comer, vale saber que é na casca da maçã que se concentram grande parte de suas fibras, vitaminas, minerais e propriedades antioxidantes. Além disso, o ácido ursólico, também encontrado na casca, pode inibir o crescimento de células de câncer de próstata. 

Casca de maçã é segura?

A casca da maçã é frequentemente encerada e pulverizada para proteger a fruta. Assim, alguns consumidores podem estar preocupados com a quantidade de pesticidas e, assim, optar por descascá-la.  

Leia também: Casca de limão: Benefícios que você precisa conhecer

A verdade é que esse alimento contém uma quantidade moderada a alta de resíduos de pesticidas. E em particular, uma alta concentração de difenilamina, um produto químico usado para evitar que a pele das maçãs se “machuque” durante o transporte. 

Com isso, alguns especialistas consideram que a maçã é um dos alimentos que se deve preferir a versão orgânica. Pois, maçãs orgânicas têm um número significativo de boas bactérias e fungos quando comparadas às convencionais.

Assim, ao consumir uma maçã orgânica, você não precisa se preocupar com os pesticidas usados. No entanto, antes de ingerir a não-orgânica, considere lavá-la bem com bicarbonato de sódio.

Leia também: Casca de laranja: Benefícios e como consumir

Sobre o autor

Redação
Redação
Todos os textos assinados pela nossa equipe editorial, nutricional e educadores físicos.