Cardio antes ou depois da musculação? Saiba o que é melhor

17 de março, 2022

Ao começar os treinos surgem diversas dúvidas, principalmente sobre o cardio antes ou depois da musculação. Isso porque é comum que os instrutores das academias indiquem esteira, por exemplo, antes de iniciar os exercícios com peso.

Mas de acordo com o personal trainer Giulliano Esperança, não há regras para isso e tudo é questão de gosto. “Na verdade, as pessoas precisam fazer um bom aquecimento antes de treinar musculação e pensar que o melhor resultado depende da regularidade dos exercícios, e não do cardio antes ou depois da musculação”, explica.

Portanto, os resultados dependem da disciplina em relação à regularidade da prática de exercícios e a alimentação saudável. 

Quem deseja ganhar massa muscular deve evitar atividades aeróbicas? 

Muitos acabam associando as atividades aeróbicas com o emagrecimento, mas quem busca ganhar massa muscular também deve optar pelo cardio. “Antes de se pensar em ganho de massa muscular, há que se pensar na capacidade circulatória, na saúde. O que deve ser evitado, são atividades de cardio de longa duração, mas não podemos generalizar”, afirma Giulliano. 

Leia também: Exercícios aeróbicos: O que são e para que servem

Quantas vezes é necessário realizar cardio durante a semana? 

De acordo com Giulliano, em relação ao ganho de massa muscular, o que precisamos ter em mente é que as intensidades precisam ser variadas. Ou seja, fazer um treino de perna intensa, no mesmo dia de uma corrida, por exemplo, não faz sentido. Além disso, ninguém vai perder massa muscular porque fez uma esteira leve após um treino de perna.

Por outro lado, se você deseja emagrecer, é importante entender que apenas os exercícios físicos não emagrecem. “O que emagrece é o estilo de vida com treino regular, alimentação e monitoramento de todos os indicadores físicos. Por exemplo, se uma pessoa estiver com alguma disfunção hormonal, ela precisa também cuidar desse problema”, diz o personal trainer. 

Desse modo, o especialista recomenda ir aos poucos, de forma progressiva e focando na qualidade, não na intensidade – seja na musculação ou no cardio. 

Benefícios do cardio

  • Melhora do humor e combate a depressão, ansiedade e o estresse;
  • Potencializa o sistema imune;
  • Promove a qualidade do sono;
  • Fortalecimento da musculatura do coração, aumentando a capacidade cardiorrespiratória;
  • Melhora o nível do bom colesterol, o HDL;
  • Aumento da resistência à fadiga, dando mais disposição para as tarefas do dia a dia;
  • Prevenção de doenças como hipertensão, diabetes, acidentes vasculares cerebrais e obesidade;
  • Provoca a perda de peso.

Fonte: Giulliano Esperança, Personal Trainer.

Sobre o autor

Julia Moraes
Julia Moraes
Jornalista e repórter da Vitat. Especialista em fitness, saúde mental e emocional.