Atividade física moderada previne enxaqueca

Bem-estar Movimento Saúde
19 de Agosto, 2022
Atividade física moderada previne enxaqueca

Praticar atividade física com intensidade moderada ajuda a prevenir dores de cabeça, sobretudo a enxaqueca. Isso é o que comprova uma pesquisa realizada com base nos dados coletados pelo Estudo Longitudinal de Saúde do Adulto (ELSA-Brasil).  Esse estudo vem acompanhando desde 2008 mais de 15 mil voluntários de seis instituições de ensino superior e pesquisa de seis estados, das regiões Nordeste (UFBA), Sudeste (Fiocruz, USP, Universidade Federal de Minas Gerais e Universidade Federal do Espírito Santo) e Sul (Universidade Federal do Rio Grande do Sul).  

Estudo

Um dos principais objetivos do ELSA-Brasil é investigar fatores de risco para doenças crônicas, com foco em fatores cardiovasculares, por exemplo, diabetes, dislipidemia, hipertensão, obesidade, aterosclerose subclínica, entre outros, associados a hábitos de vida, incluindo atividade física e nutrição.

“Um dos nossos objetivos era avaliar o impacto da atividade física na cefaleia de forma geral”, conta Alessandra Goulart, clínica-geral e epidemiologista do Hospital Universitário da Universidade de São Paulo, uma das pesquisadoras principais do Centro de Investigação ELSA (CI – SP) e uma das autoras do estudo.

Para isso, os pesquisadores aplicaram questionários da Organização Mundial da Saúde nos participantes a fim de coletar dados sobre atividade física – tanto realizada no lazer quanto aquela feita nos deslocamentos para o trabalho, além do tempo que a pessoa passa sentada. “Observamos, então, que a atividade física moderada é capaz de prevenir crises de dor de cabeça. Além disso, também pode reduzir a intensidade delas quando surgem”, conta Alessandra. Os sedentários sofrem mais com dores do tipo tensional e enxaqueca, revelam os resultados.

“Sabemos que a atividade física é um dos pilares do tratamento das doenças crônicas, incluindo as cefaleias”, diz a neurologista Lívia Dutra, do Hospital Israelita Albert Einstein. “Ela ajuda a diminuir a percepção da dor”, explica.

Leia também: Tratamento da enxaqueca: quais são as alternativas existentes?

Atividade física moderada: quanto tempo fazer?

Para surtir efeito, é preciso praticar a atividade por no mínimo 150 minutos semanais com intensidade moderada, ou 75 minutos se for mais vigorosa. Isso significa uma caminhada em velocidade moderada, por exemplo.

“Recomendamos sempre a atividade aeróbica”, diz Lívia. “Aqueles que têm mais dificuldades podem começar com algo mais brando, como ioga ou pilates.” O importante é não ficar parado. Mas não custa lembrar: uma vez que a crise foi deflagrada, melhor ficar bem quietinho. Nesse momento, o exercício só vai piorar a dor.

“Já havia evidências que os exercícios poderiam prevenir a cefaleia. Entretanto, agora temos dados para prescrevê-los dentro do tratamento como parte de um pacote de hábitos saudáveis”, finaliza Alessandra.

Fonte: Agência Einstein

Leia também:

poke é saudável
Alimentação Bem-estar

Poke é saudável? Veja dicas na hora de consumir

Veja dicas de alimentos que não vão interferir no seu objetivo, seja emagrecer ou ganhar massa magra

mulher se consultando com um médico
Bem-estar Saúde

Preparação para a bariátrica vai além dos exames e envolve mudanças de vida

Antes de entrar no centro cirúrgico, o candidato à cirurgia bariátrica percorre um caminho de preparação que promete mais do que a perda de peso: uma

tempo em frente às telas
Alimentação Bem-estar Equilíbrio Saúde

Maior tempo em frente às telas está associado à piora da dieta de adolescentes

Pesquisa brasileira avaliou dados de 1,2 mil adolescentes e constatou que a maioria gasta mais de 2 horas de tempo em frente as telas