Terapia online: Como aproveitá-la durante a pandemia

7 de maio, 2020

A terapia online – ou teleterapia – está sendo utilizada pelas pessoas cada vez mais, principalmente no cenário atual, em que estamos em isolamento social por conta de uma pandemia global. 

Durante este período, o estresse e os episódios de ansiedade e depressão aumentam. Somos bombardeados por notícias a todo momento. Por isso, é de extrema importância cuidar da saúde mental.

Leia mais em: Telemedicina: Saiba o que é e como funciona

Dessa forma, muitos acabam pensando que por não estarem desabafando com o terapeuta presencialmente, a terapia online pode não ter resultado. Mas, se o seu terapeuta está utilizando recursos tecnológicos para atender os pacientes, opte por dar uma chance. 

Embora seja difícil nas primeiras sessões, em tempos de crise a terapia online pode ser um grande suporte e ter grandes resultados. Portanto, veja algumas dicas de como aproveitar a teleterapia ao máximo.

Prepare um espaço seguro e reserve um tempo para a terapia

Um dos benefícios da terapia online é que você pode fazer a qualquer momento e em qualquer lugar. Por outro lado, as distrações não são bem-vindas quando você deseja focar em algo. Busque um lugar reservado e silencioso para se envolver totalmente com esse processo.

Leia mais em: Coronavírus: O que você precisa saber para se cuidar

Se você estiver isolado com outra pessoa, peça para que ela use fones de ouvido ou fique em outro cômodo enquanto faz a sessão.

O constrangimento é normal

A experiência online é muito diferente da presencial. Por isso é normal se sentir constrangido no começo. Isso não significa que a terapia não está funcionando, mas se você puder manter uma linha aberta de comunicação com o terapeuta, irá adaptar rapidamente.

Seja flexível com o formato

Existem plataformas de terapia que usam uma combinação de mensagens, áudio e vídeo, enquanto outras são apenas com a webcam. Você irá escolher qual formato funciona melhor.

Por exemplo, se está isolado com sua família, pode querer não ser ouvido por outras pessoas e optar por mensagens de texto. Ou se você estiver cansado ficar diante de uma tela o dia todo, a gravação de uma mensagem de áudio pode ser melhor. A teleterapia proporciona muitas ferramentas diferentes. Esteja aberto a experimentar.

Na ausência de sinais corporais, nomeie suas emoções mais explicitamente

Na terapia presencial é comum o terapeuta observar sinais corporais e expressões faciais do paciente, “lendo” seu estado emocional.

Por isso, é importante descrever emoções e reações de maneira mais explícitas. Por exemplo, em vez de dizer “estou cansado” você pode dizer “estou esgotado”.

Assim, será mais fácil para o especialista entender o que está sentindo e guiar para a melhor direção, mesmo virtualmente.

Não tenha medo de classificar como foi o atendimento

Assim como os pacientes, os terapeutas também enfrentam dificuldades, visto que muitos são novos na telemedicina. Assim, classificar como foi o atendimento e dar essa resposta ao profissional é algo essencial para descobrir o que funciona ou não para você.

Sendo assim, tente manter a comunicação aberta e transparente com o seu terapeuta. Você pode reservar um tempo no final de cada sessão para discutir a transição e se está ajudando ou não.

Por fim, a terapia online pode ser uma ferramenta poderosa para a saúde mental, principalmente em um período tão estressante como este. 

Leia também: Atividades que ajudam a lidar com o estresse na quarentena

Sobre o autor

Julia Moraes
Julia Moraes
Estagiária de Jornalismo