Alteia (malvarisco): Propriedades e benefícios da planta

22 de setembro, 2020

A alteia é uma planta medicinal nativa do hemisfério Norte, também chamada de malva-branca, malva-pântano, malvarisco e demais nomes. É usualmente utilizada para combater sintomas da gripe e de resfriados, tratar úlceras e mais. Suas flores de cor rosa chamam a atenção pela beleza.

Benefícios da alteia

Facilita a digestão

Laxante, a alteia pode ajudar na digestão, acelerando e facilitando o trânsito intestinal. Isso previne a constipação, ou seja, a prisão de ventre, e a sensação de inchaço que ela poderia causar.

Efeito detox

A alteia é diurética, portanto, estimula a liberação de água e toxinas através da urina. Isso beneficia o corpo de duas formas: desintoxica o organismo – prevenindo problemas de saúde especialmente nos rins e no fígado – e impede a retenção de líquido.

Combate inflamações e sintomas da gripe

Naturalmente anti-inflamatória, combate inflamações de todo tipo no corpo, prevenindo doenças e combatendo seus sintomas. Dessa forma, também fortalece a imunidade e age diretamente contra tosse, congestão nasal, febre, dor de garganta e mais.

Leia mais: Alimentos que ajudam a aliviar dor de garganta

Pele saudável e bonita

A planta contém excelentes propriedades cicatrizantes que beneficiam principalmente a pele. Dessa forma, pode ser utilizada para fins estéticos, auxiliando no tratamento de acne e também na cicatrização de ferimentos, queimaduras e picadas de inseto.

Leia também: Betacaroteno: O nutriente que protege a pele e a visão

Controla a glicemia

Ainda, auxilia no controle da glicemia, ou seja, no nível de açúcar presente no sangue. Isso é ainda mais benéfico para pacientes de diabetes e com pré-diabetes, mas também pode ajudar no emagrecimento.

Como utilizar a alteia

  • Chá
  • Aplicação sobre a pele
  • Seu extrato pode ser encontrado em produtos de uso cosmético

Como fazer o chá de alteia

Para fazer o chá de alteia, será necessário 2 colheres de sopa da raiz da planta e cerca de 1 litro de água fervente. Após 10 minutos no fogo, desligue-o e espere a bebida ficar morna.

Contraindicações

O chá não é recomendado para mulheres grávidas ou em fase de lactação, ou seja, durante a amamentação. Lembre-se de sempre procurar orientação médica.

Sobre o autor

Nathália Lopes
Nathália Lopes
Estagiária de Jornalismo