Alimentos que contêm ferro – além da carne vermelha

Alimentação Bem-estar
05 de Maio, 2020
Alimentos que contêm ferro – além da carne vermelha

Se você é vegetariano, vegano ou apenas deixou de comer carne vermelha, uma preocupação comum é garantir o consumo diário recomendado de alguns nutrientes, entre eles o ferro. De acordo com as normas de saúde, a  dose recomendada para adultos é de 8 e 27 mg por dia. O ferro é essencial para a vida. Assim, além de prevenir a anemia, funciona como um combustível para que a hemoglobina, célula do sangue, transporte o oxigênio para todo o corpo. 

Embora a carne esteja frequentemente no topo da lista de fontes desse mineral, há muitas opções que contêm a mesma quantidade ou mais do nutriente. Confira alguns alimentos que contêm ferro que valem mais que um bife quando o assunto é consumo do nutriente.

Leia também: Como melhorar a absorção de ferro pelo corpo? 7 dicas

Alimentos que contêm ferro

Espinafre

Três xícaras de espinafre contêm cerca de 18 mg do nutriente. Ou seja, mais do que em um filé de 200 gramas. Assim, você pode ingerir a recomendação diária do nutriente com apenas uma salada de espinafre saudável. 

Brócolis tem ferro

O brócolis não só é repleto do mineral e outros nutrientes essenciais como a vitamina K e o magnésio. Mas, também é rico em vitamina C, o que ajuda a estimular a absorção de ferro no corpo. 

Leia também: Porque você deve comer brócolis todos os dias

Lentilha

Apenas uma xícara de lentilha tem mais ferro do que um bife de 200 gramas. Além disso, também é uma fonte sólida de fibras, potássio e proteína. Você pode adicionar lentilhas à salada ou experimentar como uma sopa.

Couve tem ferro

A couve é rica no nutriente e em clorofila. Por isso, é uma ótima opção para tratar a anemia, diminuir a retenção de líquidos e evitar a absorção de substâncias químicas dos alimentos, ajudando assim na desintoxicação do organismo. 

Leia também: Motivos para colocar couve na sua dieta

Castanha de caju

Oleaginosas de todos os tipos são fontes de proteína conhecidas para os vegetarianos. Mas, a castanha de caju tem o benefício adicional de ser repleta do mineral. Assim, uma porção de ¼ xícara contém cerca de 2 gramas de ferro. Além de ser comida pura, pode ser moída e, então, salpicada em saladas, carnes e sucos. 

Leia também: Oleaginosas: um ranking com as opções mais saudáveis

Soja

Uma porção de soja cozida tem entre 8 e 9 mg do mineral. Além disso, essas leguminosas são uma ótima fonte de proteína. Contudo, certifique-se de procurar produtos de soja orgânicos em vez de convencionais – que podem ser geneticamente modificados.

Grão-de-bico

Uma xícara de grão-de-bico apresenta 4,7 mg de ferro, mais da metade da dose diária recomendada para um homem adulto. Assim, asse-os em um pouco de azeite para um lanche crocante ou misture-os com tomates, queijo feta e pepino para criar um prato saboroso.

Chocolate amargo

Os benefícios do chocolate amargo parecem infinitos. Além de promover uma pele e dentes mais saudáveis ​​e reduzir a ansiedade, ele é uma maneira doce de aumentar a ingestão de ferro. Ou seja, trinta gramas de chocolate amargo contém 2 a 3 mg do nutriente, mais do que na mesma quantidade de carne.

Leia também: 6 motivos para incluir o chocolate amargo na dieta

Sobre o autor

Redação
Todos os textos assinados pela nossa equipe editorial, nutricional e educadores físicos.

Leia também:

ator Cauã Reymond segurando um garfo e uma faca e usando um babador
Alimentação Bem-estar

Cauã Reymond mostra jantar saudável com sopa, frango e legumes

Ator compartilhou em suas redes socais o que comeu na noite de Dia dos Namorados (12/06). Confira o jantar de Cauã Reymond

personal ajudando aluno a fazer o exercício crucifixo inclinado na academia
Bem-estar Movimento

Crucifixo inclinado: como fazer corretamente para evitar dores

A posição do banco no crucifixo inclinado faz com que o exercício enfatize bem os músculos do peitoral. Confira o passo a passo

criança nadando na piscina
Bem-estar Movimento

Crianças podem (e devem) fazer natação no inverno!

Prática deve ser contínua mesmo no frio, pois aumenta imunidade e o gasto calórico. Veja os benefícios da natação no inverno para as crianças!