Vitamina B previne a picada do mosquito da dengue?

Saúde
21 de Fevereiro, 2024
Vitamina B previne a picada do mosquito da dengue?

Com o aumento de casos de dengue em todo Brasil, disparam estratégias caseiras e científicas para afugentar o mosquito da dengue. Uma delas é tomar vitaminas do complexo B via oral. A explicação para a técnica popular é que, teoricamente, ingerir doses de vitamina B – especialmente B1 –, faria com que o corpo exalasse um cheiro que repele insetos, inclusive mosquitos da dengue. Mas será que essa estratégia realmente funciona? Veja a seguir! 

Vitamina B não previne a picada do mosquito da dengue

A ideia que as vitaminas do complexo B evitem a picada do Aedes Aegypti faz parte das crenças populares sem comprovação científica. Portanto, se trata de um mito. Nas redes sociais, o Ministério Público reforçou que as vitaminas do complexo B não têm efeito sobre a prevenção ou tratamento da doença. 

Para Flávia Virginio, pesquisadora e curadora da coleção entomológica do Instituto Butantã, em entrevista concedida ao Jornal USP, a incerteza da eficácia desse método está na forma como cada organismo processa a vitamina: “Muita coisa, quando a gente ingere e é digerida pelo sistema digestivo, não chega até o sangue a ponto de ser expelida pela pele”.

Assim, confiar em métodos como esse pode deixar a população vulnerável e com uma falsa sensação de segurança sobre a ação do mosquito da dengue. Além do mito do complexo B, repelentes caseiros e uso de vinagre de maçã também são outras estratégias ineficazes contra a ação do mosquito. 

Veja também: Existe um tipo sanguíneo preferido pelo Aedes aegypti?

Afinal, o que realmente evita o mosquito da dengue? 

Uma das principais formas de evitar a dengue é eliminar criadouros do mosquito. Portanto, medidas como evitar água parada em pequenos objetos e manter a caixa d’água sempre fechada são medidas essenciais.  Veja outras dicas: 

  • Substitua água por areia nos pratos dos vasos de plantas;
  • Evite acúmulo de lixo no seu quintal, nos arredores da casa e mantenha lixeiras trancadas;
  • Faça uma revisão semanal de quintais e áreas abertas que podem conter recipientes que acumulam água;
  • Utilize repelentes e telas anti-mosquito em casa — principalmente se você mora em áreas próximas de matas, parques e outros locais de concentração de insetos;
  • Por fim, vista roupas que diminuam a exposição da pele durante o dia, período em que os mosquitos estão mais ativos.

Além dessas técnicas, o segredo é apostar nos repelentes, principalmente em ambientes em que não se tem controle. Para escolher o melhor produto, deve-se optar pelos repelentes com ingredientes ativos como Icaridina e DEET, ingredientes que possuem eficácia comprovada contra os mosquitos da dengue. Por isso, atente-se aos rótulos e confira se os ingredientes estão presentes no repelente escolhido. 

Sobre o autor

Tayna Farias
Jornalista e repórter da Vitat. Especialista em gravidez e maternidade

Leia também:

mulher se consultando com um médico
Bem-estar Saúde

Preparação para a bariátrica vai além dos exames e envolve mudanças de vida

Antes de entrar no centro cirúrgico, o candidato à cirurgia bariátrica percorre um caminho de preparação que promete mais do que a perda de peso: uma

tempo em frente às telas
Alimentação Bem-estar Equilíbrio Saúde

Maior tempo em frente às telas está associado à piora da dieta de adolescentes

Pesquisa brasileira avaliou dados de 1,2 mil adolescentes e constatou que a maioria gasta mais de 2 horas de tempo em frente as telas

corredor abaixado segurando a perna aparentemente com dor
Bem-estar Movimento Saúde

Será que eu estou com canelite? Médico destaca principais sinais

A condição é uma das principais preocupações entre os corredores. Ortopedista explica como identificar os sintomas característicos da canelite