Sono desregulado: características e dicas para ajustá-lo

Bem-estar Sono
14 de Setembro, 2023
Sono desregulado: características e dicas para ajustá-lo

Não há nada melhor do que uma longa e boa noite de sono para renovar as energias, descansar e fazer com que o organismo trabalhe de forma correta. O problema é quando o corpo não consegue acompanhar a mente e o relógio biológico desregula totalmente, acarretando diversos problemas físicos e mentais. Diante disso, o professor do curso de Medicina do Centro Universitário de João Pessoa – Unipê, José Brasileiro Dourado Junior, traz algumas dicas e orientações para quem tem problemas com o sono desregulado.

Leia mais: Se sente improdutivo? O problema pode ser a falta de sono 

O que caracteriza o sono desregulado?

De acordo com o especialista, o sono possui 5 fases. Primeiramente, a do adormecimento, seguida pela etapa do sono mais leve. Logo depois, entra a introdução do sono profundo, seguida pelo sono profundo em si e terminando com o sono REM.

“O sono desregulado é quando você tem alterações nessas fases ou redução durante estes ciclos. Quebra-se, assim, o padrão dos ciclos necessários para uma boa e saudável noite. Como consequência, pode reduzir o período de reabilitação cerebral decorrente do sono, gerando também alterações no despertar e insônia decorrentes dessa expressão de sono desregulado”, destaca.

Quais são as causas?

As principais causas de sono desregulado são a obesidade, alterações nas cavidades respiratórias, como desvio de septo, hipertrofia de cornetos, hipertrofia de tonsilas adenoideanas. Além disso, alterações neurológicas do sistema nervoso central, que podem desregular o sono, bem como transtornos mentais, como depressão e ansiedade.

“Geralmente, o tratamento é buscar tratar a causa dessa desregulação do sono. Existem alguns dispositivos que podem auxiliar, como medicações e um aparelho CPAP (uma sigla em inglês para pressão positiva contínua nas vias aéreas), se for o caso da apneia obstrutiva, entre outros”, completa José Junior.

Afinal, como regular o sono?

Nesse sentido, ao perceber essas alterações ou ter dificuldades para dormir, é importante procurar um médico para primeiro fazer uma anamnese. Depois, uma avaliação adequada, terminando com um exame clínico para conseguir averiguar qual a causa desses padrões de desregulação.

“É importante submeter-se também a uma terapia. Além disso, existem alguns exames e algumas escalas para fazer essa avaliação e entender os padrões de sono. Entre eles, a polissonografia, onde são fixados eletrodos no couro cabeludo e no corpo do paciente, bem como um sensor no dedo, para detectar as alterações em cada uma das fases”, explica.

As consequências do sono desregulado

“As consequências de um sono desequilibrado são alterações de humor, perda da memória, diminuição da força muscular, falta de atenção e foco. Além disso, alterações metabólicas, ganho de peso, dores físicas, ansiedade e depressão”, salienta o médico.

Por fim, o docente enfatiza sobre a importância de procurar um médico especialista no assunto para entender cada caso. “Existem medicações que melhoram o padrão de sono, retiram a sonolência diurna e adequam a sonolência noturna. De todo modo, é sempre bom e necessário procurar um médico especialista no assunto”, finaliza.

Sobre o autor

Redação
Todos os textos assinados pela nossa equipe editorial, nutricional e educadores físicos.

Leia também:

Por quanto tempo devo tomar ômega
Alimentação Bem-estar

Por quanto tempo devo tomar Ômega 3?

Muitas pessoas se perguntam: Por quanto tempo devo tomar ômega 3? Veja recomendações importantes sobre o consumo prolongado

Por quanto tempo devo tomar vitamina C
Alimentação Bem-estar Saúde

Por quanto tempo devo tomar vitamina C?

Aliada a imunidade e a beleza, a vitamina C está ligada a uma série de benefícios para a saúde. Veja recomendações sobre o consumo prolongado

ator Cauã Reymond segurando um garfo e uma faca e usando um babador
Alimentação Bem-estar

Cauã Reymond mostra jantar saudável com sopa, frango e legumes

Ator compartilhou em suas redes socais o que comeu na noite de Dia dos Namorados (12/06). Confira o jantar de Cauã Reymond