Virginia Fonseca é diagnosticada com rosácea por estresse. Entenda

Saúde
06 de Abril, 2023
Virginia Fonseca é diagnosticada com rosácea por estresse. Entenda

A influenciadora Virginia Fonseca, de 23 anos, utilizou as redes sociais para compartilhar com os seguidores que foi diagnosticada com rosácea por estresse, condição que deixa algumas partes do rosto vermelhas, especialmente no centro da face, mas podendo também aparecer em áreas como as bochechas, a testa e o queixo.

O tipo de rosácea enfrentado por Virginia é grau 1 e consiste na dilatação dos vasos sanguíneos, o que também aumenta a temperatura corporal. “Não passei blush, não. É estresse mesmo. [Estou] quente por dentro, a pele do meu rosto está ‘pelando’”, comentou a influenciadora.

Contudo, o diagnóstico de Virgínia não é preocupante, mas exige cuidados para que a rosácea não evolua para lesões faciais mais graves. 

rosacea-por-estresse

Reprodução: Instagram

Veja também: Rosácea: o que é, causas, tipos, cuidados e tratamentos

Rosácea por estresse 

De acordo com a Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD), a rosácea atinge de 1,5% a 10% das populações estudadas, sendo mulheres de 30 a 50 anos as pessoas com maiores chances de ter o problema. A doença se caracteriza por uma pele sensível, mais seca, que começa a ficar avermelhada facilmente e se irrita com ácidos e produtos dermatológicos, no geral.

Com o passar do tempo, a vermelhidão pode se tornar permanente, acompanhada pelo aparecimento de pequenos vasinhos e pápulas que lembram acne. Assim, a rosácea também pode levar a edemas e nódulos.

A origem da rosácea ainda não é conhecida e pode ter uma série de fatores diferentes, sendo que o estresse e fatores emocionais podem ser prejudiciais para a saúde da pele. Isso acontece porque o sistema imunológico libera o hormônio cortisol como uma estratégia de defesa em momentos de estresse. Assim, além da rosácea, esse tipo de hormônio favorece a inflamação facial, produz ressecamento e, em algumas pessoas, também pode contribuir para a produção de sebo e o aparecimento da acne

Além dos fatores emocionais, fatores externos também podem provocar a doença. São eles: exposição solar, temperaturas extremas, exercícios físicos intensos e irritação da pele por cosméticos. 

Diagnóstico e tratamento

Ao apresentar sintomas como sensação de vermelhidão e calor na pele, irritação e ressecamento, é hora de buscar atendimento médico com um dermatologista. No geral, o diagnóstico pode ser feito através do exame físico. Contudo, em outros casos, é necessário fazer biópsia. Após o diagnóstico, o tratamento dependerá do grau de rosácea do paciente e da persistência da doença.

Mas, de maneira geral, o tratamento é feito a partir do uso de sabonetes, protetor solar de alto e antimicrobianos tópicos (metronidazol) e antiparasitários (ivermectina).

Já em fases mais avançadas, segundo a SBD, também pode ser necessário prescrever o uso de medicamentos derivados de tetraciclina (doxiciclina e outros) orais. Além disso, também é importante manter um acompanhamento com um oftalmologista, caso a rosácea ocular se manifeste.

Por fim, é importante ressaltar que, por ser uma pele mais sensível, é contraindicado o uso de produtos químicos e físicos como sabões, higienizadores alcoólicos, adstringentes, abrasivos e peelings.

Fonte: Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD).

 

Sobre o autor

Redação
Todos os textos assinados pela nossa equipe editorial, nutricional e educadores físicos.

Leia também:

Por quanto tempo devo tomar vitamina C
Alimentação Bem-estar Saúde

Por quanto tempo devo tomar vitamina C?

Aliada a imunidade e a beleza, a vitamina C está ligada a uma série de benefícios para a saúde. Veja recomendações sobre o consumo prolongado

montagem com as fotos de Wagner
Saúde

Ele já fez mais de 100 doações de sangue e plaquetas: “dar um pouco da minha saúde para quem precisa”

Conheça a história de Wagner Hirata, que tem as doações de sangue e plaquetas como um de seus propósitos de vida

neuralgia do trigêmeo
Saúde

Neuralgia do trigêmeo: doença que provoca uma das piores dores do mundo

Sintomas de doença são dores muito fortes e rápidas em apenas um lado do rosto, causando sensação de choque ou de um golpe muito forte