Como readaptar o corpo após voltar das férias

22 de julho, 2022

Fala sério, quando as férias acabam, é muito difícil retomar a prática de exercícios físicos. Mas para voltar aos treinos é importante readaptar o corpo e tomar alguns cuidados.

De acordo com Guilherme Micheski, gerente técnico da Smart Fit, é fundamental não ter pressa para entrar no ritmo anterior. Ou seja, voltar de forma gradual e contínua. Além de aquecer bem o corpo antes de se exercitar para um retorno seguro. Outro cuidado essencial é com a intensidade do treino.

Para o fisiologista, Diego Leite de Barros, dependendo do tempo de inatividade o corpo perde não apenas a força, mas também flexibilidade. A combinação de fraqueza muscular e encurtamento das fibras o deixa mais suscetível a lesões.  

“Estima-se que o organismo precise de 3 a 4 semanas para readquirir completamente a condição plena de treino. Nesse processo, é importante acompanhar e comemorar os progressos, entender que momentos difíceis virão e buscar praticar os exercícios com prazer”, afirma Guilherme Micheski, gerente técnico da Smart Fit. Assim, respeitar o próprio corpo e sua evolução ajudam no processo de readaptação. “Uma vantagem é que temos memória muscular, que é aliada nessa fase de retomada. Pois os músculos lembram dos estímulos de antes da pessoa parar.”, explica Micheski.

Leia também: Como manter uma alimentação saudável nas férias

Dicas para readaptar o corpo depois das férias 

Se você quer voltar à forma com segurança, eficiência e tranquilidade, confira as dicas dos especialistas:

  • Recomece sem pressa: não queira recuperar o tempo perdido de uma só vez;
  • A regularidade do treino é fundamental: a frequência é a chave para bons resultados;
  • Organize: defina o número de dias da semana que irá treinar e distribua os tipos de treino entre cardio e força ;
  • Estabeleça metas alcançáveis: tenha em mente que o processo de emagrecimento, por exemplo, não irá acontecer em poucos dias;
  • Faça uma alimentação saudável e balanceada: evite alimentos gordurosos e nada proteicos. Dessa maneira, lembre-se também de beber bastante água.

Fontes: Guilherme Micheski, gerente técnico da Smart Fit; Diego Leite de Barros, fisiologista.

Sobre o autor

Redação
Todos os textos assinados pela nossa equipe editorial, nutricional e educadores físicos.