Lentes de contato reutilizáveis podem causar infecção rara, diz estudo

Saúde
28 de Outubro, 2022
Lentes de contato reutilizáveis podem causar infecção rara, diz estudo

Se você possui lentes de contato reutilizáveis, eis um alerta importante para redobrar os cuidados com os olhos. Um estudo da University College de Londres descobriu que o uso contínuo de lentes reutilizáveis quadruplica o risco de contrair uma infecção grave. De acordo com os autores da pesquisa, usuários desse tipo de item são mais propensos a ter ceratite causada por um parasita chamado Acanthamoeba.

A princípio, a ceratite é uma lesão comum, que consiste na inflamação da córnea. As causas mais frequentes são coçar os olhos com muita força, usar lentes por muito tempo sem higienizá-las corretamente e falta de lubrificação ocular, por exemplo.

Apesar de ser rara, a ceratite parasitária é mais perigosa para os olhos, pois mesmo com o tratamento existe o risco de comprometimento da visão. Portanto, a pessoa pode precisar de soluções mais invasivas, como o transplante de córnea para recuperar a capacidade de enxergar.

Veja também: Afinal, câncer de mama dói? Saiba quando procurar auxílio médico

Por que as lentes de contato reutilizáveis podem ser perigosas?

Antes de mais nada, o estudo esclarece que as lentes de contato reutilizáveis são geralmente um método seguro. Para chegar à conclusão do risco elevado para ceratite parasitária, os cientistas realizaram um estudo de pequena amostragem, mas revelador sobre a condição.

A equipe analisou 200 casos de pacientes do hospital do Olho de Moorfields, no Reino Unido. Desse total, 83 receberam o diagnóstico de ceratite enquanto o restante, não.

Como resultado, a avaliação detalhada apontou que a infecção estava fortemente associada ao uso das lentes de contato reutilizáveis, que aumentou o risco da doença em 3,8 vezes. O motivo é que os hábitos influenciam bastante: por exemplo, tomar banho com as lentes e usá-las durante a noite ou para dormir são uma oportunidade para a ceratite parasitária.

Por outro lado, se a pessoa tem cuidados preventivos, como ir ao oftalmologista com frequência, a probabilidade de adoecer pela ceratite reduz significativamente.

Como prevenir a ceratite?

Embora a pesquisa seja regional e com poucos participantes, os autores alegam que os riscos são os mesmos. Em contrapartida, a boa notícia é que 90% dos quadros de ceratite são evitáveis.

Então, se você utiliza lentes de contato reutilizáveis, confira algumas medidas simples para não ser vítima do problema.

    • Se possível, opte pelas lentes descartáveis. De acordo com os cientistas, elas reduzem de 30% a 62% a probabilidade de desenvolver uma ceratite.
    • Não utilize lentes reutilizáveis durante o banho, bem como mergulhar em piscina, cachoeira e mar.
    • Com ou sem lentes, não coce os olhos. Afinal, o atrito pode machucar a córnea e favorecer a entrada de micro-organismos na lesão.
    • Faça visitas de rotina ao oftalmologista para manter em dia a saúde dos olhos.
    • Às vezes, é comum se esquecer que está usando lentes. Mas saiba que o hábito é altamente prejudicial e causa outros danos além da ceratite, como a conjuntivite.
    • Realize a higiene adequada das lentes reutilizáveis conforme orientação médica.
    • Por fim, não aplique colírios e outros medicamentos por conta própria se tiver qualquer irritação ocular.
Descubra seu peso ideal. É grátis! Saiba se seu peso atual e sua meta de peso são saudáveis com Tecnonutri.
cm Ex. 163 kg Ex. 78,6

Sobre o autor

Redação
Todos os textos assinados pela nossa equipe editorial, nutricional e educadores físicos.

Leia também:

mulher se consultando com um médico
Bem-estar Saúde

Preparação para a bariátrica vai além dos exames e envolve mudanças de vida

Antes de entrar no centro cirúrgico, o candidato à cirurgia bariátrica percorre um caminho de preparação que promete mais do que a perda de peso: uma

tempo em frente às telas
Alimentação Bem-estar Equilíbrio Saúde

Maior tempo em frente às telas está associado à piora da dieta de adolescentes

Pesquisa brasileira avaliou dados de 1,2 mil adolescentes e constatou que a maioria gasta mais de 2 horas de tempo em frente as telas

corredor abaixado segurando a perna aparentemente com dor
Bem-estar Movimento Saúde

Será que eu estou com canelite? Médico destaca principais sinais

A condição é uma das principais preocupações entre os corredores. Ortopedista explica como identificar os sintomas característicos da canelite