Como manter o intestino saudável nas festas de final de ano

Alimentação Bem-estar
05 de Dezembro, 2019
Como manter o intestino saudável nas festas de final de ano

Saborear comidas e guloseimas deliciosas é uma das melhores partes da temporada de festas de final de ano. Mas, diante de tantas tentações, fica difícil manter o intestino saudável

Desde a falta de controle sobre o panetone até o seu amor por drinques, é provável que o corpo se sinta confuso com a adição calórica inesperada. Assim, o intestino acaba sendo um dos órgãos mais afetados. 

Alimentação e intestino saudável

“O equilíbrio do intestino é fundamental para que o organismo funcione bem e absorva os nutrientes que precisa”, adianta  a nutricionista Hannah Médici Viersa, de São Paulo.

Açúcar refinado, farinha branca, alimentos processados e industrializados deixam nosso intestino ‘fraco’ e permeável, gerando um quadro inflamatório que é a origem de problemas como aumento da gordura visceral, obesidade e resistência à insulina”, alerta a profissional. 

No entanto, isso não significa que você precisa se privar 100% de seus pratos favoritos do final de ano para manter o intestino saudável. Pois, há muitas maneiras de dar um bom impulso para que você possa aproveitar as festas sem retaliação, começando com estas dicas:

Aposte no kefir

Para quem nunca ouviu falar ou não conhece bem o produto, grãos de kefir são um conjunto microbiano usados na fermentação de líquidos para obter bebidas probióticas e funcionais.

É uma bebida fermentada produzida a partir da ação dos micro-organismos presentes em seu próprio grão. Assim, para produzi-lo, é preciso submergir seus grãos em leite – geralmente uma colher de sopa em meio litro de leite de vaca, de cabra ou de ovelha – e deixar fermentar por aproximadamente seis horas em temperatura ambiente. Desse modo, apostar na bebida alinhará o estômago com uma abundância de boas bactérias que podem ajudar na digestão e reduzir o inchaço indesejado.

Leia também: Kefir: Saiba o que é e como usar para emagrecer

Adicione mais amido resistente ao menu

O amido resistente é um tipo especial de fibra prebiótica que alimenta as boas bactérias do intestino. O resultado? A digestão não é tão lenta e a comida é passada pelo corpo mais facilmente. Amido resistente pode ser encontrado em alimentos como batatas assadas, legumes ou grãos cozidos. 

Faça uma caminhada pós-refeição

É tentador tirar uma soneca após o almoço de Natal. Mas, é a pior coisa que você pode fazer. principalmente se estiver propenso a refluxo ácido. Em vez disso, considere fazer uma caminhada pós-refeição – digamos, para explorar as decorações do bairro. Pois, caminhar ajuda a contrair os músculos abdominais e auxilia o estômago a mover o ácido e a comida para o intestino mais cedo. Com isso, diminui a probabilidade de ocorrência de refluxo.

Beba muita água

Tendemos a consumir menos água durante as festas, enquanto aumentamos nossa ingestão de promotores de desidratação, como guloseimas salgadas, cafeína e álcool. Com isso, pode resultar em um engarrafamento digestivo. A água ajuda a manter o sistema digestivo bem lubrificado e em movimento, evitando a constipação por desidratação e estresse. Portanto, quanto mais água você beber, menor a probabilidade de que seu estômago atrapalhe a diversão.

Acompanhe sua ingestão de fibras

Muitos dos alimentos da ceia carecem de fibras. Mas, sem fibra suficiente na dieta, os micróbios começam a devorar a barreira do muco no intestino como fonte alternativa de alimento. Assim, isso altera a composição bacteriana e o metabolismo em nosso intestino, o que faz com que as bactérias desencadeiem inflamações e nos fazem sentir doentes. Por isso, aumentar a ingestão de vegetais e grãos durante as férias pode aumentar as chances de manter o intestino saudável.

Porcione as refeições

Por fim, estar ciente de quanto você come de cada vez pode ajudá-lo a evitar inchaço. Fique de olho nas porções que coloca no prato e reserve um tempo para realmente mastigar a comida em vez de devorá-la, principalmente se você estiver comendo alimentos que normalmente não come o resto do ano. Pois, se você está comendo mais do que normalmente, os músculos se contraem e você se sente um pouco mais desconfortável.

Sobre o autor

Redação
Todos os textos assinados pela nossa equipe editorial, nutricional e educadores físicos.

Leia também:

Lapsos de memória
Bem-estar Equilíbrio Saúde

Lapsos de memória: 8 principais fatores e como evitá-los

Rotina sobrecarregada, estresse e noites maldormidas são algumas das causas

Quando mudar a rotina de skincare
Beleza Bem-estar

Rotina de skincare: quando mudar os produtos? Dermatologista explica

Segundo a dermatologista, apesar da percepção, a pele continua se beneficiando da rotina

aveia com limão
Alimentação Bem-estar

Dieta Oatzempic: suco de aveia com limão realmente emagrece?

Shake não oferece riscos, mas não cumpre efeitos milagrosos na perda de peso