Ginástica laboral: Benefícios que você precisa conhecer

Bem-estar Movimento
15 de Abril, 2021
Ginástica laboral: Benefícios que você precisa conhecer

Não é de hoje que a relação entre “saúde” e “trabalho” é tema de debates multidisciplinares. Ainda mais com a realidade de enfrentamento ao COVID-19, que afetou drasticamente a rotina de diversos profissionais. Diante desse cenário, o nível de estresse, absenteísmo e doenças ocupacionais tende a crescer. Assim, uma das maneiras de encarar estes desafios é com a prática de exercícios físicos dentro do posto de trabalho, a famosa ginástica laboral.

O objetivo da ginástica laboral é realizar diversos exercícios físicos durante o expediente. Para descontrair e garantir ao colaborador mais disposição na execução das atividades do dia a dia. Além disso, prevenir lesões e outras doenças provocadas pela atividade ocupacional.

Assim, são atividades de curta duração (entre 10 e 15 minutos) e exercícios que utilizam técnicas de respiração, alongamento e correção de postura. Ou seja, durante a atividade, trabalha-se percepção corporal, reeducação de postura e compensação muscular.

Geralmente, profissionais de Educação Física e Fisioterapia, especializados nesse tipo de exercício. Dessa maneira, eles conduzem as práticas dentro do escritório, na estação de trabalho ou em um espaço reservado. 

Benefícios da ginástica laboral

  • Melhorar o sistema cardíaco, respiratório e esquelético;
  • Reduzir a sensação de fadiga e esgotamento ao fim do dia;
  • Combater doenças ocupacionais (como LER/DORT, estresse, depressão e ansiedade);
  • Aumentar a atenção e a concentração;
  • Melhorar a consciência corporal (melhora do condicionamento físico, flexibilidade, coordenação e resistência);
  • Minimizar a sensação de tédio e infelicidade;
  • Descontrair e melhorar a disposição.

Tipos de ginástica laboral

Ginástica preparatória

Ela é feita nas primeiras horas do dia de trabalho ou antes de começar. Assim, com exercícios de aquecimento e alongamento, trabalha os músculos mais utilizados no expediente, aumentando a circulação sanguínea, a disposição e a concentração.

Ginástica compensatória

É feita durante o dia de trabalho e funciona como uma pausa, interrompendo a monotonia. Assim, como o nome já diz, ela compensa os esforços repetitivos das tarefas. Ou seja, repara os músculos, corrige as posturas inadequadas e proporciona maior disposição. Dessa maneira, seus exercícios incluem alongamentos, postura e técnicas de respiração.

Ginástica de relaxamento

Aqui o objetivo é aliviar  as tensões ao fim da jornada de trabalho. Assim, ela busca oxigenar as estruturas musculares, proporcionando o relaxamento. São exercícios leves, que utilizam técnicas de meditação, respiração e massagem. Com isso, o treino diminui o ritmo de trabalho, reduz os níveis de estresse, minimiza o esgotamento ao fim do dia e aumenta a sensação de bem-estar.

Leia também: Melhores alongamentos para as mãos e pulsos

Sobre o autor

Redação
Todos os textos assinados pela nossa equipe editorial, nutricional e educadores físicos.

Leia também:

dieta do óleo de coco
Alimentação Bem-estar

Dieta do óleo de coco: o que é, riscos e cardápio

Na prática, os benefícios da dieta do óleo de coco estão em sua ação no organismo. Saiba mais

mulher correndo na esteira da academia. Ela usa um véu na cabeça
Bem-estar Movimento

Qual cardio queima mais calorias? Especialista responde

Corrida, bike, natação… Você já se perguntou qual tipo de cardio queima mais calorias? Profissional de educação física responde