Dieta do leite: Como fazer e quais alimentos são permitidos

Alimentação Bem-estar
16 de Setembro, 2019
Dieta do leite: Como fazer e quais alimentos são permitidos

Muitas dietas prometem a perda de peso rapidamente, e a dieta do leite é uma delas. Simples, ela pede atenção por prometer enxugar até 7kg em oito dias, seu prazo máximo de restrição. 

Pesquisas mais recente apontam para leite e seus derivados, como iogurte, manteiga e até queijo como sendo benéficos para perda de peso, graças à gordura saciante, proteínas e nutrientes como vitamina D e cálcio, que são cruciais para queimar os quilinhos extras. 

Uma revisão do periódico norte-americano International Journal of Obesity descobriu que  pessoas que consumiam mais laticínios durante uma dieta com restrição de calorias perderam em média 1,6 quilos a mais de suas reservas de gordura do que as dietas com baixo teor de lácteos. 

A metodologia sugere apenas o consumo de leite, até seis copos por dia, e nada além disso. Ao longo do plano, alguns alimentos, como frutas e proteínas, são inseridos no cardápio.

O consumo de calorias segue baixo durante todo o processo. E o emagrecimento também pode acontecer pelo alto teor de cálcio, já que nossas células tendem a queimar os estoques de gordura. 

Entretanto, é mportante lembrar que, ao pensar em aderir uma dieta, o melhor a fazer é procurar ajuda de um nutricionista ou endocrinologista.

Como fazer a dieta do leite

No primeiro dia, todas as refeições são trocadas por leite desnatado, uma vez que ele tem menores taxas de gordura. O integral também é permitido por ter vitaminas e proporcionar saciedade. Do segundo dia em diante, são acrescentados aos poucos frutas, carne, iogurte, ovos e queijos. Por ser um método restritivo, a dieta do leite deve durar no máximo oito dias.

Leia também: Dieta do ovo: Conheça essa maneira de emagrecer

Sugestão de frutas: banana, maçã, mamão, pêra e goiaba. Para variar o paladar, a carne vermelha pode 

Lembrando sempre de evitar doces, sucos, frituras e alimentos ricos em farinhas, como bolos, biscoitos e massas. Além disso, é importante beber bastante água e praticar atividade física.

Benefícios

Além de proporcionar um rápido emagrecimento, a bebida é fonte de cálcio, vitamina A, vitamina D e outros nutrientes. A prevenção de doenças, como osteoporose e diabetes, também está entre as vantagens, além do baixo custo com os ingredientes.

Desvantagens

A dieta do leite não ensina uma reeducação alimentar. Ao terminar, pode ser que a pessoa volte a ganhar peso. A restrição alimentar exige sacrifícios e pode causar enxaqueca, fraqueza, refluxo, tontura, gastrite, inchaço abdominal e até alterações no humor. 

Porém, especialistas consideram a dieta preocupante pela drástica restrição alimentar e pelo consumo exagerado de um mesmo alimento.

Também, o excesso de cálcio chama atenção, o organismo não consegue absorver tudo e a excreção passa a ser em maior quantidade pela urina. Há ainda a possibilidade de mudanças no trânsito intestinal, o surgimento de alergias ou intolerâncias alimentares.

Leia também: Alimentos ricos em proteína e seus benefícios

Sobre o autor

Redação
Todos os textos assinados pela nossa equipe editorial, nutricional e educadores físicos.

Leia também:

menina com ritmo circadiano saudável dormindo na cama durante as férias
Bem-estar Gravidez e maternidade

Férias escolares: como manter um ritmo circadiano saudável?

Manter um ritmo circadiano saudável por meio de uma rotina consistente é fundamental para o bem-estar físico e mental.

mãos segurando um tapete de ioga
Bem-estar Movimento

Treinar no frio dá menos resultado? Especialista responde

As temperaturas mais baixas do inverno fazem com que o corpo demore mais para aquecer. O que pode dar a sensação de que treinar no frio

criança sentada em mesa segurando uma colher e comendo um mingau rico em fibras
Alimentação

Fibras na alimentação infantil: conheça os benefícios e como incluí-las

As fibras na alimentação infantil contribuem para o bom funcionamento do intestino, prevenindo a prisão de ventre.