Ficar no celular ou TV à noite pode fazer você comer mais

Alimentação Bem-estar
09 de Outubro, 2019
Ficar no celular ou TV à noite pode fazer você comer mais

Se você costuma checar as redes sociais ou ver televisão durante a noite, saiba que essa prática pode estar aumentando sua ingestão diária de alimentos.

Isso porque a luz azul – o tipo que vem das telas – pode afetar seu gosto por comida, principalmente doces, se você for exposto a ela antes de adormecer. 

Sabemos que ficar no celular ou TV antes de dormir pode atrapalhar o sono, mas pesquisas mostram que isso também pode afetar hábitos alimentares.

Apenas uma hora de exposição à luz azul à noite aumentou os níveis de açúcar no sangue e o consumo de açúcar. 

A pesquisadora principal, Anayanci Masís-Vargas, da Universidade de Amsterdã, compartilhou esses dados na Sociedade para o Estudo do Comportamento Ingestivo (SSIB), na Holanda.

Leia também: Viver perto do mar pode melhorar a saúde mental, diz pesquisa

A pesquisa

A equipe trabalhou com ratos, expondo-os à luz azul à noite, e depois mediu seu consumo alimentar e tolerância à glicose no dia seguinte. Apenas uma hora de exposição tornou os animais menos tolerantes à glicose, o que poderia ser um precursor do diabetes (ou pré-diabetes).

Para ver como a luz afetava o controle do apetite e quais tipos de alimentos ingeriam no dia seguinte, os ratos podiam escolher entre uma refeição saudável e equilibrada ou água com açúcar. Os resultados? Eles procuraram o açúcar quando estavam em torno da emissão de luz azul, e escolheram opções mais saudáveis ​​quando não.

Para os estudiosos, há evidências para acreditar que existe uma correlação entre obesidade e luz artificial à noite com base em estudos anteriores, e a maior parte desse tipo de iluminação vem de telas que emitem luz azul e aumentam a exposição. Como a retina é muito sensível a essa emissão, ela age em resposta, comunicando-se com partes do cérebro que regulam o apetite. 

Assim, limitar a quantidade de tempo na frente das telas à noite é a melhor medida para nos proteger dos efeitos nocivos da luz azul. Caso seja necessário, recomenda-se o uso de aplicativos e recursos noturnos nos dispositivos, que tornam as telas mais alaranjadas, ou o uso de filtros.

Embora o estudo tenha sido feito com ratos e mais pesquisas sejam necessárias, provavelmente ainda é uma boa ideia limitar o tempo no celular ou TV antes de dormir. 

Faça sua avaliação de peso, descubra seu peso ideal e aprenda a emagrecer com a Low Carb. Clique para saber mais

Sobre o autor

Redação
Todos os textos assinados pela nossa equipe editorial, nutricional e educadores físicos.

Leia também:

ator Cauã Reymond segurando um garfo e uma faca e usando um babador
Alimentação Bem-estar

Cauã Reymond mostra jantar saudável com sopa, frango e legumes

Ator compartilhou em suas redes socais o que comeu na noite de Dia dos Namorados (12/06). Confira o jantar de Cauã Reymond

personal ajudando aluno a fazer o exercício crucifixo inclinado na academia
Bem-estar Movimento

Crucifixo inclinado: como fazer corretamente para evitar dores

A posição do banco no crucifixo inclinado faz com que o exercício enfatize bem os músculos do peitoral. Confira o passo a passo

criança nadando na piscina
Bem-estar Movimento

Crianças podem (e devem) fazer natação no inverno!

Prática deve ser contínua mesmo no frio, pois aumenta imunidade e o gasto calórico. Veja os benefícios da natação no inverno para as crianças!