A cárie não é causada somente por doces. Descubra outros motivos

Saúde
01 de Dezembro, 2022
A cárie não é causada somente por doces. Descubra outros motivos

Escovar os dentes corretamente, após as refeições e não esquecer do fio dental são alguns hábitos de higiene bucal que evitam diversas condições que interferem não só na saúde bucal, mas na saúde como um todo. O surgimento de cárie, por exemplo, é prevenível a partir de hábitos saudáveis. Mas quais hábitos são esses? Evitar o consumo de doces é um deles. Inclusive, é comum ouvir uma crença popular de que quem consome muitos doces tem mais chances de ter cárie. A crença é, em parte, verdade. No entanto, outros hábitos são tão prejudiciais quanto comer uma barra de chocolate e não escovar os dentes. Entenda.

Afinal, o que causa cárie?

De acordo com a Dra. Bruna Conde, cirurgiã-dentista, a cárie é causada, principalmente, pela ausência de higiene bucal adequada.

Ou seja, o alto consumo de doces não é uma causa primordial, mas sim o consumo de alimentos pegajosos que grudam entre os dentes e carboidratos.

Quais são os sinais de que estou com cárie?

A cárie pode ser assintomática, isto é, não apresentar sintomas. No entanto, para algumas pessoas, pode causar incômodo ao se alimentar e sensibilidade com alimentos quentes, gelados ou doces.

Pode, ainda, refletir na gengiva, tornando-a inchada e dolorida. Ainda segundo a cirurgiã-dentista, podem surgir manchas de coloração marrom ou branca no dente, ou até pequenos furos escuros nos dentes. 

Outro sinal de cárie ocorre na hora do uso indispensável do fio dental. Dessa forma, um sangramento durante o uso desse item também pode indicar cárie.

Quais são os riscos para a saúde bucal?

De acordo com a Dra. Bruna, a cárie pode causar dor, afetar o bem-estar e até progredir para uma perda dentária. Além disso, pode desencadear uma infecção generalizada, já que as bactérias presentes na boca podem atingir a corrente sanguínea e afetar a saúde por completo.

Como tratar a cárie?

O tratamento da cárie envolve consultas ao dentista para remover o tecido cariado por completo. Depois, o dente é restaurado/obturarado, vedando-o, assim, por completo.

“Primeiramente, o dentista removerá a parte cariada. Depois, ele realizará a limpeza do local e, por fim, o preenchimento do espaço”, explica a especialista em saúde bucal.

Por fim, é fundamental que o paciente seja instruído sobre a realização da higiene adequada do local, evitando assim que a cárie retorne.

Como prevenir o surgimento da cárie?

  • Fazer uma boa higiene bucal após as principais refeições;
  • Não dormir sem escovar os dentes;
  • Passar fio dental diariamente, sobretudo após o  consumo de doces
  • Fazer visitas regulares ao dentista, isto é, pelo menos 2 vezes ao ano.
  • Utilizar cremes dentais com flúor 
  • Estar com boa salivação, já que a saliva é uma proteção para problemas bucais.

Fonte: Dra. Bruna Conde, Cirurgiã-Dentista. CRO SP 102038

Leia também:

criança com prisão de ventre deitada no sofá com a mão na barriga, sentido dor
Saúde

Prisão de ventre em crianças: sintomas, causas e tratamento

Desconforto abdominal, fezes ressecadas e barriga inchada são alguns dos principais sintomas

casal mais velho apaixonado em um jardim
Saúde

Melhora dos escapes de xixi e mais saúde sexual: benefícios da fisioterapia pélvica na menopausa

A fisioterapia pélvica pode ajudar a aliviar alguns sintomas típicos da menopausa

mãos de mulher colocando leite materno em um recipiente
Gravidez e maternidade Saúde

Como tirar e armazenar o leite materno com segurança?

Seja para estimular a produção, guardar para momentos sem o bebê ou até doar, alguns cuidados são necessários na hora de realizar a extração