Brincar funcional: o que é e quais são os benefícios

Bem-estar Equilíbrio
06 de Setembro, 2023
Lívia Barbosa Alves de Souza
Revisado por
Psicóloga • CRP 01/22261
Brincar funcional: o que é e quais são os benefícios

Uma das grandes dificuldades da família​ de crianças com neurodiversidades​ é ​saber como​ brincar com seus filhos​. I​sso​ porque muitas vezes a criança não engaja ​com as atividades ou tem dificuldades em variar as brincadeiras​. O brincar funcional é uma ótima maneira de lidar com isso, pois traz o desenvolvimento do lúdico, da criatividade, da comunicação social e da interação com crianças e adultos. 

O brincar funcional envolve usar objetos de um modo que é apropriado ​à​ sua função​. Como por exemplo, andar com carrinho na pista, ​fazer o avião​ voar​, chutar a bola, dar comidinha na colher para a boneca, fazer a boneca dormir como bebê. 

“Muitas vezes os pais não sabem como variar o repertório de brincadeiras”, destaca a neuropsicóloga Bárbara Calmeto, diretora do Autonomia Instituto.

Importância das brincadeiras

As brincadeiras, os jogos e os brinquedos estão na vida das crianças desde bem pequenas e fazem parte da principal função da vida delas. ​

“​O processo de brincar com crianças típicas ocorre de forma muito natural, elas interagem ​e a brincadeira acontece. Ninguém precisa ensinar exatamente o processo de brincar porque é inerente à vida dela. Além disso, as crianças com desenvolvimento típico ​dão as funções apropriadas ​aos objetos ​e compartilham as atividades com outras pessoas que estão na brincadeira. Mas as crianças com Transtorno do Espectro Autista (TEA)​,​ normalmente​,​ apresentam déficits na comunicação e interação social. Com isso, apresentam dificuldades no brincar funcional e compartilhado​”, explica Bárbara.

​Ela lembra ainda que, m​uitas vezes, elas apresentam dificuldades de variação nas brincadeiras e até nos brinquedos. ​”​Algumas crianças com TEA até brincam​ ao lado de ​​outras, ​​usando os mesmos brinquedos. Mas não conseguem brincar com outras crianças compartilhando os brinquedos e mais ainda, não conseguem compartilhar as brincadeiras​”, diz.

Leia também: Mitos sobre o autismo: O que é verdade e o que não é

Benefícios do brincar funcional

​Abaixo, a neuropsicóloga explica os benefícios do brincar funcional para a crianças com Autismo:

  • ​Faz a criança compreender melhor o mundo ao seu redor​;​  
  • ​Proporciona interação social;
  • ​Favorece a criatividade;
  • ​Estimula a concentração e a alternância de turno;
  • D​esenvolve aspectos cognitivos;
  • Melhora a coordenação motora;
  • P​repara a criança para novas aprendizagens;
  • ​Amplia o repertório de outras habilidades.

Mas como estimular esse brincar funcional para crianças neurodiversas? 

A neuropsicóloga ressalta que o ideal é buscar o interesse da criança, para saber como ela quer brincar, e em cima disso a gente vai ampliando o repertório de brincadeiras, mas de uma maneira natural.

“Brincadeiras simples como as do tipo sensório-social [atividades nas quais o adulto e a criança se envolvem alegremente e frente a frente, numa atividade altamente social] funcionam muito bem, pois o adulto e a criança se envolvem juntos. A partir daí a gente começa a ampliar as atividades, como encaixe simples, argola na haste, bolinha dentro do pote, brinquedos de causa e efeito, martelar, etc”, explica.

Fonte: Bárbara Calmeto, ​neuropsicóloga e diretora do Autonomia Instituto.

Sobre o autor

Julia Moraes
Jornalista e repórter da Vitat. Especialista em fitness, saúde mental e emocional.

Leia também:

mulher praticando chutes em um ringue com seu treinador
Bem-estar Movimento

Kickboxing: tudo o que você precisa saber sobre a modalidade

O esporte de combate desarmado em pé que combina técnicas de soco e chutes

Divertida Mente
Bem-estar Equilíbrio

Divertida Mente: psiquiatra explica por que ansiedade é cada vez mais comum

O filme destaca o surgimento da ansiedade na mente humana, em meio às reflexões da formação dos múltiplos sentimentos

jejum intermitente efeito
Alimentação Bem-estar

Quantas horas de jejum intermitente são necessárias para ter efeito?

Há muitas formas de praticar o jejum e seus efeitos também variam. Entenda