Brincadeiras infantis para crianças neurodiversas

Bem-estar Equilíbrio
06 de Junho, 2022
Brincadeiras infantis para crianças neurodiversas

De acordo com o estudo Parenting 2021, a segunda maior preocupação dos pais com os filhos é conseguir educá-los para o mundo. Dentro desse tópico, 48% deles acreditam que o momento mais propício para ensiná-los é durante as brincadeiras dentro de casa. Quando se trata de crianças neurodiversas, isto é, que possuem alguma deficiência cognitiva, a preocupação se torna ainda maior. Nesses casos, a neuropsicóloga Bárbara Calmeto indica a inclusão de algumas brincadeiras infantis que podem ser feitas junto com os pequenos a fim de garantir mais autonomia e independência.

Pessoas que possuem Transtorno do Déficit de Atenção com Hiperatividade (TDAH), Transtorno do Espectro do Autismo (TEA), dislexia e Síndrome de Down se encaixam na categoria de neurodiversos. Cada condição se apresenta de uma forma e, assim, causa implicações diferentes no indivíduo. Além disso, uma única deficiência pode se manifestar de formas completamente distintas e, por isso, cada caso precisa ser tratado de maneira individualizada.

Entretanto, buscar incentivar a realização de atividades rotineiras desde cedo é extremamente importante para desenvolver uma maior autossuficiência no futuro de crianças neurodiversas — além de estimular habilidades sociais e emocionais.

Leia também: Brincar funcional: o que é e quais são os benefícios

Brincadeiras infantis

Para isso, Bárbara indica seis brincadeiras infantis e explica como realizá-las com os pequenos:

⁣1. Leitura

Que tal escolher um livro que a criança goste e criar uma contação de história especial? Use fantoches, crie personagens, ele vai adorar.

2. Cole os grãos

É hora de pegar punhadinhos de feijão, milho e macarrão. Em uma folha, desenhe algumas formas e peça para seu filho colar os grãos. No fim, peça para que ele remova e separe os grãos por tipo.

3. Não deixe a bexiga cair

Pegue um cobertor da família e encha alguns balões. Cada integrante da brincadeira fica responsável por uma ponta do pano. O objetivo é não deixá-las escapar enquanto tentam jogá-las para cima.

4. Brincadeiras infantis: pescaria em casa

Primeiramente, pegue uma bacia com água e cubos de gelo. Depois, coloque o gelo na bacia e peça para seu filho ou filha pescá-los com uma colher no menor tempo possível. Por fim, dê um prêmio simbólico para quem conseguir pescar mais rápido.

5. Massinha caseira

Quem não gosta de massinha de modelar? Faça em casa e crie formas. Você vai precisar de 1 xícara de farinha de trigo, 1/2 xícara de chá de sal, corante alimentício ou um pacote de suco em pó para dar cor,1/4 de xícara de água, 1 colher de sopa de óleo. Assim, basta misturar os ingredientes secos e depois colocar os líquidos aos poucos até ficar uma massa homogênea.⁣

⁣6. Brincadeiras infantis: habilidades Funcionais

Além disso, estimule atividades como abrir e fechar zíperes, abotoar e desabotoar camisas, amarrar laços nos tênis.

Fonte: Bárbara Calmeto, neuropsicóloga e diretora do Autonomia Instituto

Sobre o autor

Redação
Todos os textos assinados pela nossa equipe editorial, nutricional e educadores físicos.

Leia também:

Remada baixa
Bem-estar Movimento

Remada baixa: para que serve e como fazer?

Comum em treinamento de força, o exercício fortalece os músculos das costas, como o dorso e trapézio

elevação pélvica
Bem-estar Movimento

Elevação pélvica: como fazer, benefícios e substituições

A elevação de quadril, também chamada de hip thrust ou elevação pélvica, é o ótima para trabalhar glúteos e pernas

chá de canela
Alimentação Bem-estar

Chá de canela: para que serve, benefícios e como preparar

A bebida é uma ótima opção para esquentar o corpo — muitos afirmam, ainda, que ela emagrece. Saiba tudo sobre o chá de canela