Acompanhando a glicemia: como e quando medir

Saúde
12 de Julho, 2023
Acompanhando a glicemia: como e quando medir

A medição da glicemia é uma parte importante do gerenciamento do diabetes. A frequência e o momento em que se deve medir a glicemia podem variar de acordo com o tipo de diabetes, o tratamento em curso e as recomendações médicas específicas. 

A frequência com que você deve medir sua glicemia depende do tipo de diabetes e do estágio de controle do açúcar no sangue. Algumas pessoas com diabetes podem precisar medir a glicemia várias vezes ao dia, enquanto outros podem medir com menos frequência. 

Pessoas com diabetes tipo 1 geralmente precisam medir a glicemia com maior frequência. Isso ocorre porque elas não produzem insulina ou produzem quantidades muito baixas. A medição frequente da glicemia ajuda a determinar a dose adequada de insulina necessária para manter os níveis de açúcar no sangue sob controle. 

Em geral, recomenda-se medir a glicemia no mínimo quatro vezes ao dia: antes das refeições principais e antes de dormir. Dependendo do plano de tratamento, pode ser necessário medir a glicemia após as refeições e durante a madrugada.

Para pessoas com diabetes tipo 2, a frequência de medição da glicemia pode variar dependendo do estágio de controle do açúcar no sangue, do tratamento em curso e das recomendações médicas. 

Alguns pacientes com diabetes tipo 2 podem precisar medir a glicemia várias vezes ao dia, especialmente se estiverem fazendo uso de insulina ou de medicamentos que podem causar hipoglicemia. 

Outros pacientes com diabetes tipo 2 que controlam a doença por meio de mudanças no estilo de vida, dieta e medicação oral podem precisar medir a glicemia com menos frequência. Geralmente, recomenda-se medir a glicemia em jejum e antes das principais refeições.

É importante destacar que a frequência de medição da glicemia pode ser ajustada de acordo com as necessidades individuais do paciente. É fundamental seguir as orientações do médico ou equipe de saúde responsável pelo tratamento do diabetes, pois eles podem fornecer recomendações específicas com base no seu caso particular.

Momentos recomendados para medir a glicemia 

  • Antes das refeições: isso ajudará a determinar o nível de glicose antes de comer e fornecerá informações sobre o controle glicêmico.
  • Após as refeições: medir a glicemia uma ou duas horas após as refeições pode ajudar a entender como os alimentos afetam os níveis de glicose no sangue.
  • Antes de dormir: Verificar a glicemia antes de ir para a cama é importante para garantir que os níveis de açúcar estejam adequados durante a noite.
  • Durante a noite: Em alguns casos, o médico pode recomendar a medição da glicemia durante a noite, especialmente se houver suspeita de hipoglicemia noturna.

Além disso, é importante lembrar que a medição da glicemia não se limita apenas aos momentos específicos mencionados acima. Em certas situações, como quando ocorrem sintomas de hipoglicemia ou hiperglicemia, ou quando há mudanças significativas na dieta, no exercício ou na medicação, pode ser necessário medir a glicemia adicionalmente para monitorar e ajustar o tratamento. 

Indicadores-chave ao medir a glicemia

  • Glicemia de jejum é a medição da glicose no sangue após um período de jejum noturno. Geralmente, é feita pela manhã, antes do café da manhã.
  • Glicemia pós-prandial é a medição da glicose no sangue após uma refeição. Pode ser feita uma ou duas horas após a ingestão dos alimentos para avaliar o impacto dos carboidratos ingeridos.
  • Hemoglobina glicada (HbA1c): É um teste que mede a média estimada dos níveis de glicose no sangue nos últimos 2 a 3 meses. É usado para avaliar o controle glicêmico a longo prazo.

É importante lembrar que as recomendações específicas para medir a glicemia podem variar de acordo com as orientações do médico. Portanto, é sempre fundamental seguir as instruções fornecidas pelo profissional de saúde responsável pelo seu tratamento.

Leia também:

Ozempic e anticoncepcional
Saúde

Ozempic pode cortar o efeito do anticoncepcional? Médico explica

Nas redes sociais, não faltam relatos sobre o efeito do Ozempic no aumento da fertilidade

Chá de erva baleeira
Alimentação Bem-estar Saúde

Chá de erva baleeira emagrece? Veja benefícios e como fazer

A erva é eficaz em tratamentos de reumatismo, gota, dores musculares e até úlceras; saiba mais

mulher sentada na mesa da cozinha com remédios para gripe na sua frente
Saúde

Queda na temperatura exige cuidados com a saúde. Confira

Neste fim de semana, o frio vai estar presente em diversas capitais. Queda na temperatura pede alguns cuidados com a saúde respiratória