Treinar em grupo: dicas para se exercitar com os amigos

19 de julho, 2022

De fato, com o cansaço e a correria do dia a dia, a preguiça de ir para a academia fala mais alto – principalmente se estiver frio, nublado ou chovendo. Por isso, uma boa opção para ter mais motivação é treinar em grupo, seja online ou presencial.

Ter amigos não só para acompanhar, mas também para participar do seu treino, vai deixar a atividade mais dinâmica e divertida

Dicas para treinar em grupo

O personal trainer criador do método “treinando sem dor” Matheus Vianna, e o médico psiquiatra e sócio da Nutrindo Ideais, Dr. Higor Caldato, separaram algumas dicas e ressaltaram as vantagens de se exercitar com os amigos. Desse modo, confira abaixo:

Dicas para treinar em grupo: crie uma rotina online

Geralmente, as aulas em grupo são oferecidas nos mesmos horários e nos mesmos dias da semana. Dessa forma, treinar com outras pessoas permite que você reserve um tempo e faça uma rotina semanalmente, aumentando significativamente a probabilidade de você continuar com a rotina de treinamento.

Dicas para treinar em grupo: tenha responsabilidade

Marcar um treino com um ou vários amigos pode ser muito divertido. Contudo, é importante ter compromisso com as datas e horários.

Siga o ritmo

Não importa o quanto você esteja motivado, há limites para o quanto você pode se esforçar ao treinar sozinho. Ou seja, é mais fácil ir em um ritmo mais lento ou fazer pausas conforme o seu corpo pede. 

Assim, os exercícios em grupo estabelecem um ritmo igual para todos seguirem. Por exemplo, se a pessoa ao seu lado fizer 10 repetições de um exercício, você também fará.

Tenha competitividade

Competitividade é da natureza humana e, neste caso, pode ajudar. Isso porque você não apenas se sentirá mais motivado, como também tentará superar o seu parceiro. De acordo com estudos sobre exercícios, o suporte social correlacionou-se positivamente com a atividade física. 

Leia também: Treinar em dupla: Benefícios e exemplos de exercícios

Socialize

Para o Dr. Higor Caldato, treinar com um amigo éum bom motivo para socializar fora dos aplicativos de bate-papo. “Enquanto as endorfinas são liberadas quando você se exercita sozinho ou em dupla, mais endorfinas serão liberadas quando você estiver com um parceiro. Por isso, você tende a sorrir mais. Essa elevação de humor não é apenas boa para o seu nível de condicionamento físico (já que você tende a aproveitar mais os treinos), mas também tem um impacto positivo para a sua mente”, ressalta o profissional.

Crie desafios

Para deixar o treino mais interessante, é importante criar desafios. Por exemplo, ao invés de simplesmente fazer a prancha, tente uma variação do exercício onde você e seus parceiros possam ficar um de frente por outro e tocar as mãos. Além isso, vocês podem optar por fazer uma sequência de abdominais e desafiar quem consegue mais.

Treino em grupo: melhores exercícios

O personal Matheus Vianna separou um plano de treino com os melhores exercícios para você malhar com seus amigos. Portanto, confira:

EXERCÍCIOSÉRIESTEMPO
Ponte Frontal2O máximo
Burpee3Maior número em 30 segundos
Flexão de braços sem apoio do joelho1O máximo
Agachamento com salto1Máximo em 1 minuto
Abdominal com joelho flexionado e mãos na cabeça3Máximo em 30 segundos

Fontes

Dr. Higor Caldato, médico psiquiatra e sócio da Nutrindo Ideias; Matheus Vianna, personal trainer criador do método “treinando sem dor”.

Sobre o autor

Julia Moraes
Jornalista e repórter da Vitat. Especialista em fitness, saúde mental e emocional.