Idosos podem reduzir danos cerebrais com jardinagem, dança e caminhada

13 de março, 2020

Se você gosta de jardinagem, dança e caminhada, temos uma ótima notícia. Essas atividades podem diminuir os danos cerebrais em idosos. Segundo uma pesquisa apresentada na reunião anual da Americana de Neurologia, feita em Toronto, no Canadá. 

Com o estudo, os pesquisadores descobriram que idosos que participam regularmente de caminhadas, jardinagem, natação ou dança tinham equivalente a 4 anos a menos de danos cerebrais.

Leia também: Estudo de Harvard relaciona o otimismo com a longevidade

Como funcionou a análise

Os pesquisadores usaram ressonância magnética (RM) para medir o cérebro de 1.557 pessoas com idade média de 75 anos que realizavam vários níveis de atividade, que variam de inativos a muito ativos. 

Assim, os voluntários foram divididos em três grupos com base no nível de atividade. Eles incluíram aqueles que eram:

  • Inativos e não faziam atividade física durante uma semana;
  • Pouco ativos e realizavam 2 horas e meia de atividade de baixa intensidade, 1 hora e meia de atividade de intensidade moderada ou 1 hora de atividade de alta intensidade todas as semanas;
  • Ativos e realizavam 7 horas de atividade de baixa intensidade, 4 horas de atividade moderada ou 2 horas de atividade de alta intensidade semanalmente.

Logo após, os participantes realizaram testes de pensamento e memória. Além disso, eles eram examinados fisicamente e detalharam suas tarefas diárias e outras atividades físicas.

O tamanho médio do cérebro daqueles que estavam ativos era de 883 centímetros cúbicos, em comparação com os estavam inativos, que tinham 871 centímetros cúbicos.

À medida que as pessoas envelhecem, o volume do cérebro e seu peso podem diminuir a uma taxa de aproximadamente 5% por década após os 40 anos. Portanto, para não perder e reduzir o tamanho as células cerebrais, vale investir em atividades como a jardinagem, dança e caminhada. 

Sobre o autor

Julia Moraes
Julia Moraes
Jornalista e repórter da Vitat. Especialista em fitness, saúde mental e emocional.