Como a qualidade do sono afeta a saúde mental

Bem-estar Sono
12 de Fevereiro, 2020
Como a qualidade do sono afeta a saúde mental

A insônia é um problema que afeta muitas pessoas. Segundo estimativas, acredita-se que alcance aproximadamente 33% da população mundial. Muitas vezes se tem uma má qualidade de sono pela ansiedade, rotina agitada, problemas com a família e, até mesmo, o uso de celulares e dispositivos eletrônicos. 

O sono desempenha um papel importante na saúde mental e física. Assim, quem não tem um sono de boa qualidade pode ficar irritado e exausto a curto prazo. Além disso, a falta de sono está ligada a vários problemas de saúde, incluindo doenças cardíacas, diabetes tipo 2 e depressão.

Problemas no sono podem desencadear o aparecimento de certas condições psicológicas. Devido a relação entre a saúde mental e o sono, é importante conversar com um especialista se você estiver tendo problemas para dormir. 

Estresse

Se você não dormir o suficiente, pode ser muito mais difícil lidar com o estresse, principalmente se não for uma pessoa paciente. As situações diárias que estressam podem se transformar em grandes fontes de frustração. Você se sentirá mais cansado e irritado com qualquer aborrecimento que aconteça no dia a dia. 

Leia também: Dicas para acabar com a insônia e dormir melhor

Depressão

A insônia e outros problemas de sono podem ser um sintoma da depressão. Entretanto, recentemente, uma pesquisa sugeriu que a falta de sono pode realmente causar depressão. Uma análise de 21 estudos diferentes constatou que pessoas que sofrem de insônia têm um risco duplo de desenvolver depressão em relação àquelas que não tem problemas para dormir. 

Portanto, os pesquisadores sugerem que tratar a insônia desde o início pode ser uma medida preventiva eficaz para ajudar a reduzir o risco de depressão, embora seja necessário mais estudos sobre a possibilidade. 

Ansiedade

A relação entre sono e ansiedade pode seguir duas direções. Isso porque pessoas com ansiedade tendem a ter mais distúrbios do sono, mas a privação do sono também pode contribuir para sentimentos ansiosos. Além disso, os problemas de sono podem ser um fator de risco para o desenvolvimento de transtorno de ansiedade. 

Dessa forma, lidar com sentimentos de ansiedade pode ser ainda pior quando você tem problemas para dormir. Por isso, o sono ruim pode piorar muito os sintomas dos transtornos de ansiedade.

No entanto, mesmo pessoas saudáveis ​​podem experimentar efeitos negativos na saúde mental do sono ruim. Por exemplo, um estudo descobriu que a privação aguda do sono levou a um aumento nos níveis de ansiedade e angústia em adultos saudáveis. 

Transtorno bipolar

Os distúrbios do sono são muito comuns entre quem sofre de transtorno bipolar, que é caracterizado por períodos alternados de humor deprimido e elevado.

Não conseguir dormir pode ser um sintoma da doença, mas os problemas do sono também podem desempenhar um papel no curso da doença, nos resultados do tratamento e na qualidade de vida geral do indivíduo.

Sobre o autor

Julia Moraes
Jornalista e repórter da Vitat. Especialista em fitness, saúde mental e emocional.

Leia também:

Mesa flexora e cadeira flexora
Bem-estar Movimento

Mesa flexora e cadeira flexora: quais as diferenças e qual é a melhor?

Quem pratica musculação em academias, provavelmente vai se deparar com dois exercícios muito comuns no “leg day”: mesa flexora e cadeira flexora. Além do nome parecido,

Endometriose e saúde mental
Bem-estar Equilíbrio Saúde

Endometriose e saúde mental: como cuidar de si mesma?

Desconfortos podem causar uma série de desafios emocionais, por isso é importante cuidar da saúde mental

escolher travesseiro
Bem-estar Saúde Sono

Saiba o que é importante na hora de escolher o melhor travesseiro

Aprenda a escolher o melhor produto para dormir melhor