Primeiros dentes do bebê: Truques que ajudam a amenizar o incômodo

Bem-estar Gravidez e maternidade
15 de Dezembro, 2022
Primeiros dentes do bebê: Truques que ajudam a amenizar o incômodo

Já por volta dos 6 meses de vida, os primeiros dentes do bebê começam a apontar. O processo natural de desenvolvimento carrega muitos desconfortos e incômodos para os pequenos. 

Além disso, essa fase também marca o início da introdução alimentar, já que o bebê passa a ter recursos para começar a ingerir alimentos mais sólidos com os devidos cuidados. Por sorte, existem algumas técnicas que os pais podem fazer para amenizar esse sofrimento da criança, atrelando o nascimento dos dentes com a introdução de alguns alimentos. Continue lendo e saiba como amenizar o incômodo.

Os primeiros dentes do bebê

Antes de tudo, é importante entender como a dentição ocorre nas crianças. O nascimento dos primeiros dentes provoca uma tensão nos maxilares e inflama as gengivas do bebê. Por isso, nesta fase, a criança costuma ficar muito agitada, irritada e chorar além do normal. São sintomas comuns que revelam o desconforto. Neste sentido, elementos gelados podem ser a chave para amenizar as dores, já que eles provocam uma contração nos vasos sanguíneos, o que reduz o inchaço da gengiva e melhora a sensação de bem estar de forma significativa.

Leia também: Quando começar a escovar os dentes do bebê?

Como aliviar o incômodo 

Veja a seguir alguns truques para ajudar o seu bebê:

Frutas congeladas: nessa fase, o bebê pode apresentar resistência para ingerir qualquer tipo de alimentação, por isso, oferecer frutas geladas ajuda a amenizar a dor dos dentes e também é um excelente alimento para a criança. 

Picolé de leite materno: essa dica é altamente recomendada por pediatras. Basta congelar o leite materno em formas próprias para congelamento e oferecer ao bebê. No entanto, atenção aos cuidados de higienização no manuseio do leite. 

Mordedores gelados: geralmente, os mordedores são temáticos e funcionam como verdadeiros brinquedos nas mãos das crianças. Assim, alguns modelos contém um gel que pode ser congelado para oferecer mais conforto ao bebê. 

Massagem na gengiva: a prática moderada e com as mãos higienizadas ajuda o bebê com as dores e o mantém entretido.  

Cuidados com os dentes 

De acordo com a pediatra e neonatologista do Hospital IGESP, Dra. Patricia Terrivel, a alimentação também pode ter uma função essencial durante a dentição e por isso os pais devem ficar atentos. 

“Se a criança estiver com muitos dentes nascendo ao mesmo tempo, oriento a darem alimentos mais pastosos. Naqueles casos que a criança fica muito irritada e não consegue comer é porque, quando ela mastiga, pode estar machucando o dente”, afirma a pediatra.

Neste momento, é fundamental limpar as gengivas com gaze úmida sempre após cada mamada, e bebês maiores já precisam utilizar uma escova de dentes macia e apropriada para a idade.

Da mesma forma, ao apontarem os primeiros dentinhos, marque um consulta com o dentista para entender todos os cuidados que essa fase exige. Por fim, mantenha a higiene bucal do seu bebê para que essa fase seja a mais saudável possível.

Fonte: Dra. Patricia Terrivel, pediatra e neonatologista do Hospital IGESP.

Sobre o autor

Tayna Farias
Jornalista e repórter da Vitat. Especialista em gravidez e maternidade

Leia também:

chá de canela
Alimentação Bem-estar

Chá de canela: para que serve, benefícios e como preparar

A bebida é uma ótima opção para esquentar o corpo — muitos afirmam, ainda, que ela emagrece. Saiba tudo sobre o chá de canela

Farinha de chia
Alimentação Bem-estar

Farinha de chia: benefícios e opções de receitas

A farinha de chia é obtida a partir da moagem das sementes de chia, trazendo praticamente os mesmos benefícios dessas sementes

mulher fazendo o exercício stiff na academia
Bem-estar Movimento

Stiff fortalece pernas e glúteos: conheça os benefícios, dicas e como fazer

O stiff é uma ótima opção de exercício para quem quer trabalhar glúteos e posteriores de coxa