Maria Lina diz que demorou para recuperar sua saúde mental

Bem-estar Equilíbrio
16 de Setembro, 2022
Maria Lina diz que demorou para recuperar sua saúde mental

A modelo e influencer Maria Lina Deggan, de 23 anos, desabafou sobre sua saúde mental. Em entrevista à revista Quem, nesta quinta-feira (15), ela abriu o jogo em relação à sua vida pessoal e ao seu trabalho como influenciadora digital.

Maria tinha uma vida “comum” e “privada”. Ela, que já foi estudante de Engenharia, atualmente trabalha com a internet e pretende alavancar a vida profissional, preparando-se para ser empreendedora. “Eu caí nesse mundo da internet, mas foi ótimo, porque eu abri meu Instagram e aprendi fazendo”, conta.

Maria Lina conta que já teve depressão

A influencer ficou conhecida nas redes em 2020, após assumir um relacionamento com o humorista Whindersson Nunes. O casal teve um filho, João Miguel, que faleceu em maio de 2021, após nascer prematuro, com 22 semanas. 

Durante a entrevista, Maria ressalta que as mudanças vieram com tudo e que precisou de tempo para se acostumar. “Demorei muito tempo para conseguir botar tudo no lugar, para a minha cabeça ficar feliz”, disse.

Leia também: O que é saúde mental e por que ela é essencial para uma vida feliz

Além disso, Maria declarou em seu Instagram que após a morte de seu filho e o fim de seu noivado, teve uma depressão forte. “Nem minha médica sabia como eu ainda conseguia levantar da cama. Vivia dopada de remédio”, comenta a modelo.

A ex-noiva de Whindersson afirmou no início do ano, para seus seguidores, que a terapia é fundamental para cuidar de sua saúde mental. 

Foto: Reprodução/Instagram

O impacto do “hate” 

Assim como diversos influenciadores digitais, Maria Lina sofreu muitos ataques nas redes sociais. Mas segundo a modelo, sua equipe impedia que os comentários negativos chegassem até ela. “Os haters nem chegam a mim na maioria das vezes, porque as meninas da minha equipe apagam antes de eu ver”.

Contudo, Maria lembra que nem todos os seus seguidores são pessoas ruins. “Quem me segue tem muito carinho por mim. As pessoas me dão muito amor”, conta. 

Mas apesar das turbulências, a influencer se adaptou e pretende continuar trabalhando na internet. “Tive meus momentos de tentar entender esse mundo, mas, graças a Deus, hoje é super bem resolvido para mim. Me acostumei e vejo como uma carreira. Eu tenho uma equipe que está me ajudando a subir essa escada que para mim foi tão difícil, porque era tudo muito novo. Estou conseguindo ajudar a família, tenho projetos na área de beleza, vou virar empreendedora… Eu sou muito grata”, desabafa Maria. 

Referência: Revista Quem

Sobre o autor

Julia Moraes
Jornalista e repórter da Vitat. Especialista em fitness, saúde mental e emocional.

Leia também:

Chás pré e pós-treino
Alimentação Bem-estar

Chás pré e pós-treino: veja as melhores opções

O chá é a segunda bebida mais consumida mundialmente, depois da água, sendo o Brasil um dos maiores consumidores. De acordo com um balanço da Euromonitor

Lapsos de memória
Bem-estar Equilíbrio Saúde

Lapsos de memória: 8 principais fatores e como evitá-los

Rotina sobrecarregada, estresse e noites maldormidas são algumas das causas

Quando mudar a rotina de skincare
Beleza Bem-estar

Rotina de skincare: quando mudar os produtos? Dermatologista explica

Segundo a dermatologista, apesar da percepção, a pele continua se beneficiando da rotina