Falta de coordenação no treino? Veja como melhorar

Bem-estar Movimento
13 de Julho, 2023
Falta de coordenação no treino? Veja como melhorar

Há quem pense que não leva jeito com atividade física pela falta de coordenação. Mas embora possa existir uma predisposição ao esporte, isso não significa que as habilidades não possam ser conquistadas com o tempo.

E quando o tema é movimento, os cientistas são unânimes em afirmar que os exercícios físicos são essenciais para uma vida longa e saudável. Além de contribuir com o bem-estar, se exercitar também reduz o risco de desenvolver diabetes tipo 2, câncer, doenças cardiovasculares e vários outros problemas. Mas então, como corrigir tropeços e movimentos desajeitados causados pela falta de coordenação no treino?

Veja também: Treinar de moletom emagrece? Veja o que dizem os especialistas

Entendendo a coordenação motora

Em primeiro lugar, é importante entender o que é coordenação motora e saber que ela está em constante desenvolvimento em todas as fases da nossa vida.

É o que explica Bianca Pichirilli, educadora física da Vitat. De acordo com ela, a coordenação motora é a capacidade de usar os músculos esqueléticos de forma mais eficiente, resultando em uma ação ágil e prática. Este tipo de coordenação permite à criança ou adulto dominar o corpo no espaço, controlando os movimentos e posturas. 

Em alguns casos, a falta de coordenação resulta de distúrbios no cerebelo, parte do cérebro que controla os movimentos voluntários e controla o equilíbrio. Então, quando essa parte não funciona bem, podemos ter perda de coordenação. Mas a boa notícia é que a alternativa mais utilizada para melhorar essa habilidade é justamente a prática de exercícios, aliada ao acompanhamento médico.

“A falta de coordenação motora não deve ser um fator determinante na performance do treino, visto que qualquer tipo de atividade física estimula esse desenvolvimento e pode trazer ganhos”, afirma Bianca. 

Então, como ter mais coordenação motora nos treinos?

Concentre-se nos movimentos

O primeiro passo é se concentrar para realizar os movimentos que precisa. “Devemos realizar nossas sessões de treinos concentrados, atentos no que estamos fazendo, seja em máquina, seja com pesos livres. Assim iremos recrutar de maneira mais eficiente nossos grupos musculares, desenvolvendo um domínio melhor sobre a ação.”

Falta de coordenação no treino: A prática leva a perfeição

Para ver os resultados da boa coordenação motora no treino, é preciso ter persistência e constância. Por isso, não vá desistindo na primeira dificuldade que encontrar. No entanto, é que os resultados podem aparecer mais rápido do que você imagina.

“A coordenação é uma variável do treino que melhora muito rápido. Pessoas sedentárias que passam a treinar veem melhoras já logo nas primeiras semanas!”, afirma. 

Tenha orientação profissional 

Já sentiu dificuldade de coordenação ao trocar de treino ou testar uma nova modalidade de atividade física? Isso é totalmente normal, já que o seu corpo leva um tempo para se acostumar aos movimentos novos. Porém, contar com ajuda de um educador físico é essencial para ajustar a postura e melhorar a coordenação gradualmente.

Mantenha uma rotina saudável com alimentação equilibrada e sono de qualidade 

Dormir mal e ter uma alimentação desregrada são fatores que podem prejudicar o seu desempenho no treino, inclusive com relação a coordenação motora. Por isso, lembre-se que o bem-estar deve ser observado de forma holística, ou seja, com um panorama 360º.

Isso significa que noites mal dormidas podem causar exaustão e sensação de incapacidade para realizar as atividades do dia-a-dia. Então, lembre-se de cuidar de todos os pilares da sua saúde para alcançar resultados melhores.

Falta de coordenação no treino: Afaste-se do estresse e da ansiedade 

Segundo a psicóloga Rosângela Casseano, o estresse provoca uma explosão emocional capaz de atingir inclusive questões físicas. Além disso, o estresse elevado pode gerar doenças psicossomáticas, provocando uma desistência ou enfraquecimento do desempenho. Já a ansiedade pode tornar as atividades angustiantes e os sentimentos de preocupação podem tirar o foco do treino, prejudicando a performance. 

“O acompanhamento profissional para a saúde mental é uma ferramenta essencial para um excelente desempenho, pois uma mente deprimida, estressada, ansiosa e fóbica pode destruir a força mental para se atingir os objetivos desejados”, afirma a psicóloga. 

Fontes: 

  • Bianca Pichirilli, educadora física da Vitat
  • Rosângela Casseano, Psicóloga e Terapeuta Cognitivo Comportamental, CEO da PsicoPass.

Sobre o autor

Tayna Farias
Jornalista e repórter da Vitat. Especialista em gravidez e maternidade

Leia também:

mulher de lado tomando um suco verde em um copo
Alimentação Bem-estar

Como comer mais fibras no dia a dia? Dicas simples

O nutriente promove saciedade, melhora o trânsito intestinal, ajuda a evitar picos de açúcar no sangue e diminui a absorção das gorduras. Veja como comer mais

foto mostra diferentes pincéis de maquiagem
Beleza Bem-estar

Pincéis e esponjas de maquiagem podem causar acne e alergias. Como higienizar?

Você já tentou de tudo, mas não consegue se livrar do aparecimento de espinhas? Já tentou lavar seus pincéis e esponjas de maquiagem?

corrida
Bem-estar Movimento Saúde

Como proteger garganta e ouvidos na corrida durante o inverno

É necessário tomar os devidos cuidados para proteger garganta e ouvidos durante a corrida no inverno. Saiba mais!