Estresse pode causar sangue nas fezes?

Bem-estar Equilíbrio Saúde
26 de Abril, 2023
Estresse pode causar sangue nas fezes?

Na correria dos dias atuais, o estresse é muito comum para grande parte das pessoas. Porém, quando se torna muito extremo, pode afetar negativamente a saúde física, principalmente seu sistema digestivo. Mas afinal, será que o estresse pode causar sangue nas fezes?

O sangue nas fezes, também conhecido como sangramento retal, pode indicar uma série de condições de saúde subjacentes que podem ser agravadas pelo estresse. Entenda!

Leia mais: Sangramento nas fezes: Afinal, quais são as causas?

O estresse pode causar sangue nas fezes?

Ao enfrentar situações de estresse, o corpo libera hormônios que podem fazer com que o sistema digestivo se torne mais sensível e reativo. Além disso, o estresse também pode desencadear inflamação e alterações no funcionamento do intestino, agravando as condições gastrointestinais subjacentes e resultando em sangue nas fezes.

Embora o estresse possa ser um fator que contribui para isso, ele não é a causa principal. O diagnóstico de sangue nas fezes pode ter várias causas. Por exemplo, doença inflamatória intestinal ou úlcera.

Um estudo de 2019 discutiu a associação entre estresse e sintomas de surtos em adultos e crianças com DII. O estudo sugeriu que o estresse pode desencadear inflamação no intestino e, por fim, levar a sintomas como sangue nas fezes.

A mesma relação também foi confirmada em um estudo de 2016, examinando se o estresse aumenta o risco de úlcera gástrica. Verificou-se que o estresse mais que dobrou o risco de desenvolver a condição, que pode resultar em sangue nas fezes.

Além do estresse, o que pode causar sangue nas fezes?

Hemorróidas

Hemorróidas são veias inchadas no ânus ou no reto. Além de sangue vermelho no papel higiênico ou no vaso sanitário, também é comum sentir coceira anal e dor retal.

Fissuras anais

As fissuras anais são pequenos rasgos no revestimento do ânus. Essa condição comum está associada a fatores como constipação crônica e parto. Além do sangramento, sintomas incluem muita dor durante as evacuações.

Doença inflamatória intestinal

DII é um termo abrangente para duas condições: doença de Crohn e colite ulcerativa. Ambas podem causar sangue nas fezes, mas as condições diferem de certas maneiras.

A doença de Crohn pode afetar qualquer parte do sistema digestivo, enquanto a colite ulcerativa atinge especificamente o cólon e o reto. Além disso, ambas as condições são crônicas e podem causar sintomas semelhantes, como dor abdominal. O sangramento é mais comum na colite ulcerativa do que na doença de Crohn.

Câncer colorretal

O câncer colorretal é um tipo de câncer que se desenvolve no cólon ou no reto. Às vezes, começa como um crescimento chamado pólipo, que pode ser detectado e removido durante exames regulares.

Estresse pode causar sangue nas fezes: quando consultar um médico?

De acordo com o Ministério da Saúde, deve-se consultar um profissional de saúde imediatamente se notar sangue nas fezes nas seguintes circunstâncias:

  • O sangue está presente há mais de 3 semanas;
  • As fezes estão mais moles, mais finas ou mais longas do que o normal nas últimas 3 semanas;
  • Logo após o surgimento de sintomas como dor no abdômen ou no reto, cansaço anormal, perda de peso involuntária.

Por fim, caso o diagnóstico seja, de fato, sangue nas fezes, o médico trabalhará para avaliar a causa e determinar o melhor tratamento.

Referência: Healthline.

Sobre o autor

Redação
Todos os textos assinados pela nossa equipe editorial, nutricional e educadores físicos.

Leia também:

Chás pré e pós-treino
Alimentação Bem-estar

Chás pré e pós-treino: veja as melhores opções

O chá é a segunda bebida mais consumida mundialmente, depois da água, sendo o Brasil um dos maiores consumidores. De acordo com um balanço da Euromonitor

Lapsos de memória
Bem-estar Equilíbrio Saúde

Lapsos de memória: 8 principais fatores e como evitá-los

Rotina sobrecarregada, estresse e noites maldormidas são algumas das causas

Quando mudar a rotina de skincare
Beleza Bem-estar

Rotina de skincare: quando mudar os produtos? Dermatologista explica

Segundo a dermatologista, apesar da percepção, a pele continua se beneficiando da rotina