Esfoliação a seco: o que é, como fazer e benefícios

14 de março, 2022

Você já ouviu falar da nova tendência de beleza chamada esfoliação a seco (ou dry brushing)? O método ajuda a remover as toxinas da pele de forma simples e sustentável. Assim, a prática da Ayurveda consiste na utilização de uma escova com cerdas naturais que estimula a pele a fazer uma limpeza física no corpo, como explica Patricia Elias, esteticista dermaticista.

Como fazer esfoliação a seco?

De acordo com a especialista, o dry brushing deve ser inserido no seu ritual de skincare e considerado um dos passos principais da rotina. Ou seja, a escovação deve ser feita apenas com movimentos suaves, contínuos e em uma única direção, começando do pé e terminando no pescoço. No abdômen, o ideal é fazer movimentos circulares. 

Mas, Patricia indica que o processo seja feito uma vez por semana, com exceção das peles secas, que devem receber a esfoliação somente de 15 em 15 dias.

Benefícios do dry brushing

A esfoliação a seco proporciona a renovação celular, estimula o sistema linfático e a circulação sanguínea, como explica a dermaticista. Além disso, o método deixa a pele mais suave, evitando infecções e ajudando no clareamento de manchas.

Mas, atenção! Quem tem a pele mais seca precisa ter cuidado. Patricia indica que, após realizar o procedimento, é recomendado aplicar um hidratante que possui ação calmante, com óleos vegetais, para ajudar a recuperar a barreira da pele. Pois, caso contrário, a pele ficará esbranquiçada, com aspecto ressecado. 

Escova para esfoliação a seco

Para o dry brushing, é necessário uma escova de cerdas naturais ou uma bucha vegetal comum. Assim, é recomendado testar as duas opções para avaliar qual se adequa melhor ao seu tipo de pele.

Confira uma dica de Patricia Elias para fechar a esfoliação a seco com chave de ouro:

“Após o dry brushing, é recomendado entrar no banho para que a água ajude a retirar toda a sujidade e células mortas que foram desprendidas do corpo. Finalize hidratando com um creme de sua preferência.”

Leia também: Pó de pérola: Benefícios e como usar para a pele e saúde

Fonte: Patricia Elias, esteticista dermaticista.

Sobre o autor

Redação
Redação
Todos os textos assinados pela nossa equipe editorial, nutricional e educadores físicos.