Chip cerebral: entenda a proposta de Elon Musk

Bem-estar Equilíbrio
07 de Dezembro, 2022
Chip cerebral: entenda a proposta de Elon Musk

Já pensou em ter um chip implantado no seu cérebro? Esta ideia está perto de ser concretizada por um dos homens mais ricos do mundo, Elon Musk. O bilionário anunciou em um evento da sua empresa de tecnologia, Neuralink, que o chip cerebral será testado em humanos em menos de seis meses. 

Elon Musk criou a Neuralink em 2016 e, desde então, trabalha na elaboração do chip cerebral. O objetivo principal é criar uma “interface cérebro-computador” para ajudar pessoas com deficiências ou paralisias, possibilitando que elas se movam e se comuniquem. 

Para o CEO da Tesla e SpaceX, a tecnologia também pode ajudar a tratar condições neurológicas, como Alzheimer e Parkinson.

“Obviamente, queremos ser extremamente cuidadosos e ter certeza de que funcionará bem antes de colocar um dispositivo em um ser humano” disse ele. O empresário também explicou que grande parte dos documentos necessários para iniciar os testes já foram entregues ao FDA (agência norte-americana reguladora de medicamentos).

Leia também: 6 maneiras de acalmar o cérebro e viver mais

Como vai funcionar o chip cerebral?

De acordo com os pesquisadores da Neuralink, o chip terá aproximadamente o tamanho de uma moeda e será implantado no cérebro de uma pessoa. Basicamente, o procedimento vai ser realizado com anestesia geral, por tecnologia robótica, que irá remover uma pequena parte do crânio através de uma pequena incisão. Acredita-se que a duração é de 30 minutos.

O chip possui fios equipados com 1.204 eletrodos capazes de monitorar e estimular a atividade cerebral. Dessa forma, o equipamento irá transmitir esses sinais para computadores, onde os cientistas poderão estudá-los. 

Musk ressalta que, futuramente, com a invenção será possível se comunicar com outras pessoas pelos pensamentos. Ele também afirmou sobre a possibilidade de “salvar” e “reproduzir” memórias, assim como um episódio da série Black Mirror. 

Além disso, o bilionário acredita que o dispositivo seria capaz de restabelecer a visão e trazer de volta os movimentos de pessoas tetraplégicas, por exemplo.

É seguro?

A proposta do chip cerebral está levantando diversas dúvidas, principalmente sobre a segurança. O aparelho foi testado apenas em animais, portanto, ainda não podem afirmar se realmente funciona ou não.

Mas uma das maiores preocupações é com a saúde dos participantes. Isso porque durante os testes, alguns macacos morreram. Apesar de a Neuralink negar que os animais sofram abusos, o Comitê de Médicos para Medicina Responsável (PCRM) fez uma denúncia contra a empresa de Musk. Para eles, a maioria dos macacos foram sacrificados ou morreram por danos do procedimento.

Referências: Insider e CNBC

Sobre o autor

Julia Moraes
Jornalista e repórter da Vitat. Especialista em fitness, saúde mental e emocional.

Leia também:

lesões no beach tennis
Bem-estar Movimento

Lesões no beach tennis: joelho e ombro são as mais comuns. Veja como evitar

Assim como em outras atividades, também há risco de lesões no Beach Tennis. Portanto, veja dicas de como evitar lesões como epicondilite lateral.

fasting mimicking
Alimentação Bem-estar

Diet Fasting Mimicking: o que é o método que imita jejum?

A metodologia restringe calorias por um período de tempo determinado

óleo de coco
Alimentação Bem-estar

Óleo de coco: benefícios e possíveis usos

Multiuso e cheio de benefícios, o óleo de coco é um dos destaque do momento para quem procura uma vida mais saudável. Saiba mais